Para Pompeo, há preocupação com possível omissão do Irã sobre coronavírus

Jéssica De Paula Alves
Jornalista e produtora de conteúdo

Crédito: Reprodução/CNN

O chefe da diplomacia dos Estados Unidos, Mike Pompeo afirmou  que o Irã deve dizer a verdade sobre o surto do novo coronavírus no país, informou o site IstoÉ Dinheiro. A República Islâmica já apresenta 15 mortos devido à doença.

“Os EUA estão muito preocupados sobre as informações que indicam que o regime iraniano pode estar escondendo detalhes importantes sobre o surto no país”, afirmou Pompeo a jornalistas em Washington.

Nesta terça, o Irã confirmou 34 novos casos e três outras mortes causadas pelo COVID-19. E 95 pessoas estão infectadas. Foram confirmados 15 mortos no país. É o número de vítimas fora da China, onde mais de 2.600 mortes foram confirmadas pela Comissão Nacional de Saúde.

O governo do Irã prometeu mais transparência, depois que um deputado comentou que o governo estava minimizando o surto do vírus. Todavia, o balanço de vítimas pode chegar a 50 mortos.

Pompeo disse que os Estados Unidos colocaram em quarentena a todos que detectou estarem com o vírus. Assim, Washington tomará medidas adicionais caso considere ser necessário.


Aproveite as oportunidades e aumente a rentabilidade dos seus investimentos.

Preencha seus dados abaixo e conte com especialistas para ajudar.

Se preferir, ligue direto para 4007-2374