EconomiaNotícias

Os nove erros que prejudicam os investidores da Bolsa de Valores

O excesso de confiança e a crença em dicas dadas por terceiros são alguns dos principais erros que os investidores cometem ao fazer suas aplicações.

Avalie este artigo!

A Bolsa de Valores não é um investimento que deve gerar ansiedade ou mesmo um “frio na barriga” do investidor. Quem possui esse tipo de sentimento provavelmente está investindo errado, pois as altas expectativas e o desejo de obter retornos rápidos são os maiores erros que alguém pode cometer nesse tipo de aplicação.

Pensando nisso, Tiago Reis, CEO da Suno Research, elaborou uma seleção das principais condutas que os investidores devem evitar.

Confira:

Acoes Guia Completo 1024x696 - Os nove erros que prejudicam os investidores da Bolsa de Valores
Crédito da Imagem: Nilton Fukuda/AE

Criar grandes expectativas

Os que desejam se dar bem em seus investimentos precisam, em primeiro lugar, possuir um pensamento realista e ter bastante cuidado para não cair na lábia dos ganhos rápidos. Reis faz um alerta a todos: o mercado de capitais não é uma forma de alguém se tornar rico da noite para o dia”.

Comportamento pró-cíclico

A Bolsa de Valores é regida por números e especulações. Apesar disso, o comportamento daquele que investe é que determina se o resultado será o lucro ou o prejuízo. Nos momentos de pânico, em que todos os players vendem seus ativos desesperadamente, aqueles que são verdadeiramente bons investidores estão, na realidade, comprando. Já nos momentos de euforia, quando todos os demais estão comprando, os bons estão vendendo.


Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil


Um dos maiores investidores de todos os tempos, Warren Buffett, possui uma máxima muito conhecida no mercado financeiro: “ser ganancioso quando os outros estão com medo e ter medo enquanto os outros são gananciosos.”

economia cotacoes bolsa de valores 20180518 0003 1024x683 - Os nove erros que prejudicam os investidores da Bolsa de Valores
Crédito da imagem: Nelson Almeida/AFP Photo

Vender o lucro e segurar as perdas

Outro erro comum dos investidores é se desfazer de ações logo que apresentam algum sinal de lucro e manter outras que estão dando prejuízo na expectativa de que elas tragam algum retorno. Segundo Reis, o investidor não precisa ter pressa em vender posições lucrativas.

Reis aponta que, caso uma ação venha a cair após uma mudança estrutural na empresa, então é recomendável que ela seja vendida.

Focar em apenas uma métrica

Apesar de importantes, os indicadores não são os únicos instrumentos que permitem a análise. Quando alguém se guia apenas por métricas pode acabar tomando decisões com base em informações incompletas.

De acordo com Reis, o investimento em ações de dividendos, apesar de recomendável, deve ocorrer após uma análise na capacidade de pagamento da empresa. Isso acontece, pois há várias empresas que pagam dividendos altíssimos, contudo, não conseguem sustentá-los por muito tempo.

O velho excesso de confiança

Um dos comportamentos mais tóxicos para os investidores é o excesso de confiança. De acordo com Reis, tal comportamento pode fazer com que uma pessoa se julgue mais esperta ou mesmo mais capaz do que ela realmente é. Dentro do mercado financeiro, esse pensamento pode levar a altos prejuízos.

Os investidores muito confiantes podem acabar comprando e vendendo ações com uma maior rapidez e frequência que os demais. Assim, acabará incorrendo no risco de não visualizar os obstáculos ou contextos que acabam influenciando no futuro de uma ação. Reis aponta que a movimentação de uma carteira é algo extremamente custoso e que, por si só, acaba impactando o resultado final.

Antes de seguir com a notícia, experimente o nosso teste de perfil!

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

209180 tarefa para 1306 ate 18h qual o melhor fundo de acoes para investir de acordo com cada perfil 1280x640 1024x512 - Os nove erros que prejudicam os investidores da Bolsa de Valores
Crédito da imagem: Reprodução/Internet

Viés de confirmação

Algo que é bastante comum é que o investidor considere e avalie somente aquilo que está de acordo com as suas ideias e opiniões, se esquecendo de observar os dados e fatores contrários. Dessa forma, ele pode acabar ignorando resultados que poderiam ser ainda melhores para a sua carteira.

Assim, Reis recomenda que, para ter uma visão mais plural e dinâmica do que acontece no mercado, os investidores devem considerar tanto os pontos positivos quanto negativos, mesmo que alguns deles possam trazer um certo desconforto.

Confiança plena em dicas de terceiros

Muitos investidores acabam por buscar dicas de especialistas e esse é um comportamento bastante comum. Contudo, Reis aponta que o problema é quando os investidores vão atrás de informações prontas e acabam por não fazer uma análise do mercado por conta própria. Ele explica que as chamadas “dicas infalíveis” ou mesmo os “segredos do sucesso” que são anunciados por aí, em casos muito específicos, acabam por trazer os resultados prometidos. Assim, a melhor estratégia para o investidor ainda é apostar na própria experiência, mesmo que para isso seja preciso investir tempo em pesquisa e estudos.

Paralisia de escolhas

Por conta do excesso de informações, o investidor pode acabar sofrendo uma           “paralisia” no momento de tomar uma decisão. Assim, justamente pelo fato de possuir muitas opções para escolha, é possível que boas oportunidades sejam perdidas. Reis faz uma recomendação aos que se encontram nessa situação: manter o foco e separar as escolhas preferidas, excluindo outras para, então, fazer uma boa análise e decidir qual delas comprar.

Conheca-as-acoes-que-superaram-o-cdi-nos-ultimos-3anos
Crédito da imagem: Reprodução/Internet

Não pensar como um portfólio

O que muitos investidores ignoram (ou mesmo esquecem), é que a sua carteira de investimentos não é um portfólio. Dessa forma, é importante fazer uma análise dela como um todo, considerando o retorno em geral e não o de cada ativo isoladamente.

Para Reis, momentos pontuais comumente acabam por desvalorizar as ações, logo, deve-se evitar a venda dos mesmos apenas por conta da queda. O melhor é buscar entender melhor a real situação da empresa antes de tomar a decisão.

Tags

Patrícia Auth

Patrícia Auth é jornalista formada pela Univali de Itajaí/SC. Trabalhou em impressos, como o Jornal de Santa Catarina, e também, como repórter na Rede Record e RBS TV. É casada, mãe da Lívia e adoradora de boa música e gastronomia.

Na equipe EuQueroInvestir, é responsável pela produção de vídeos, e também escreve e edita artigos para o site.

Entre em contato com a Patrícia pelo e-mail: patricia.auth@euqueroinvestir.com

Artigos Relacionados

Close