Os 7 livros que todo investidor iniciante deveria ler

Certa vez, Warren Buffett, o maior investidor da história, disse: “The most important investment you can make is in yourself”. Ele foi um dos maiores adeptos da aprendizagem contínua e da autoeducação, que lia cerca de 500 páginas por dia e utilizava a maior parte do seu tempo para o desenvolvimento pessoal.

Henrique Felipini
Eu Quero InvestirColaborador do

Crédito: Crédito da imagem: Banco de Imagens EnvatoElements/By shotsstudio

Mas, qual o motivo de Warren Buffett dizer que o melhor investimento que você pode fazer é investir em si mesmo? Ora… Simplesmente porque independente do mercado e suas oscilações, seu conhecimento somente irá aumentar e você nunca irá perdê-lo.

Warren Buffett, o maior investidor da história. Crédito da imagem: Adam Jeffery/CNBC

Uma das maneiras mais acessíveis hoje para aprender e desenvolver-se é através dos livros. Colocamos uma lista abaixo com os melhores e mais indicados para quem está começando a aprender sobre educação financeira e investimentos.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

Este guia tem como objetivo apresentar os conceitos básicos e, obra a obra, ampliar os conhecimentos necessários para investir de forma inteligente.

Pensando nisso, selecionamos 7 dos melhores livros de educação financeira e investimentos, que todo investidor iniciante precisa ler.

Faça como Warren Buffett: comece e nunca pare de estudar e de se desenvolver.

Boa aprendizagem!

“Pai Rico, Pai Pobre”, de Robert Kiyosaki

Crédito da imagem: Reprodução Livro

Nesta primeira recomendação, Robert Kiyosaki conta a história das diferenças dos ensinamentos de seu pai, o pai pobre, e dos ensinamentos do pai do seu melhor amigo, o pai rico. A obra nos questiona constantemente se as ideias que temos de trabalho e segurança realmente fazem sentido nos dias atuais. Para entender os pensamentos de seus dois pais, leia o trecho abaixo retirado diretamente do livro:

Enquanto o pai pobre dizia: “Estude arduamente para poder trabalhar em uma boa empresa”, o pai rico falava: “Estude arduamente para comprar uma boa empresa”.

A filosofía de Kiyosaki serviu como inspiração a diversos investidores e empresários por todo o mundo, sendo ainda hoje, após 20 anos de seu lançamento, um dos livros mais vendidos e recomendados de educação financeira.

“Como organizar sua vida financeira”, de Gustavo Cerbasi

Crédito da imagem: Reprodução Livro

Com linguagem simples e acessível, Gustavo Cerbasi traz nesta obra as melhores ferramentas de gerenciamento do dinheiro, através do autoconhecimento e de utilizar inteligência no orçamento doméstico, ensinando aos leitores dicas práticas de como controlar e lidar com suas despesas. Também denota a importância da organização financeira para se obter um melhor estilo de vida. Por exemplo, veja o trecho abaixo retirado diretamente de seu livro:

“Por que organizar sua vida financeira? A resposta é simples: para que você tenha maior controle sobre seu dinheiro, maior consciência sobre suas escolhas e maior eficiência no uso de  sua  renda.”

 Cerbasi tem marcado sua presença nos meios digitais cada vez mais forte nos últimos anos e ajudando seus leitores e seguidores com sua genialidade financeira e os muitos anos em que atuou como consultor financeiro. Leitura obrigatória para quem possui dúvidas sobre como montar um orçamento doméstico eficiente e como lidar com questões de imposto de renda, créditos e dívidas.

“O Homem Mais Rico da Babilônia”, de George S Clason

Crédito da imagem: Reprodução Livro

George S. Clason apresenta nesta obra as leis que governam a acumulação de riqueza utilizada pelos antigos babilônios, contando seus segredos de sucesso. Neste clássico da literatura, Clason conta sobre como multiplicar suas riquezas e solucionar os mais comuns problemas financeiros enfrentados por todos. Recomendando sábias e atuais soluções para a falta de dinheiro, gestão de recursos, busca constante de conhecimento e informações e como preparar-se para futuro. Leia abaixo um trecho do livro, contendo uma amostra dos inúmeros ensinamentos que são passados:

“ …Você aprendeu bem suas lições. Aprendeu primeiro a viver com menos do que podia ganhar. Depois aprendeu a aconselhar-se junto àqueles cuja competência deriva de suas próprias experiências. E, finalmente, aprendeu a fazer o ouro trabalhar para você.”

Desde seu lançamento, publicado em 1926, é até hoje um dos livros mais recomendados e vendidos mundialmente, por sua linguagem acessível e ensinamentos financeiros inovadores.

“Segredos Da Mente Milionária”, de T. Harv Eker

Crédito da imagem: Reprodução Livro

Neste grande clássico, T. Harv Eker apresenta quais as diferenças de mentalidade entre pessoas milionárias das demais e o que as fizeram chegar até lá. Dividido em duas partes, Eker te ajuda a refletir e identificar qual é “O seu modelo de dinheiro”, os conceitos que você possui desde criança e fazem você tomar suas decisões financeiras. Então, na segunda parte do livro, o autor apresenta os “arquivos de riqueza”, os modos de pensar dos milionários que os distinguem das demais. Veja abaixo um dos muitos princípios da riqueza propostos pelo autor:

“Dinheiro é resultado, riqueza é resultado, saúde é resultado, doença é resultado, o seu peso é resultado. Vivemos num mundo de causa e efeito.”

 Com mais de 1 milhão de cópias vendidas somente no Brasil, Segredos Da Mente Milionária é um dos principais livros de autodesenvolvimento e reflexão financeira para ajudar na sua mudança de entendimento de dinheiro.

“Investimentos Inteligentes”, Gustavo Cerbasi

Crédito da imagem: Reprodução Livro

Aparecendo novamente em nossa lista, o consultor financeiro Gustavo Cerbasi escreveu uma das mais completas obras sobre investimentos para o mercado financeiro brasileiro. Explicando de maneira genial investimentos desde renda fixa e passando por fundos, planos de previdência, ações e até imóveis. Abordando não dos melhores investimentos do mercado, mas sim do melhor investimento alinhado com seus objetivos e necessidades. Por exemplo, veja o trecho a seguir retirado diretamente de seu livro:

“Tão importante quanto a escolha do investimento é a escolha de quem o ajudará a acessá-lo.”

Além destes dois livros no nosso guia, recomendamos fortemente a leitura das demais obras de Cerbasi, considerado hoje referência em educação financeira e investimentos no país, realizando inúmeras palestras e participando de diversos canais online e em redes televisivas.

[banner id=”teste-perfil”]

“Os Axiomas de Zurique”, de Max Gunther

Crédito da imagem: Reprodução Livro

Neste grande clássico dos investimentos Max Gunther apresenta os grandes axiomas que transformaram os suíços, logo após a segunda guerra mundial, num dos povos mais ricos do mundo, apesar do país não possuir litoral, minérios, petróleo, carvão e sequer agricultura. O livro trata-se sobre riscos e como gerenciá-los, fazendo com que trabalhem ao seu favor. Por exemplo, veja este trecho retirado diretamente do primeiro axioma:

“Preocupação não é doença, mas sinal de saúde. Se você não está preocupado, não está arriscando o bastante.”

Sendo considerado um dos livros de bolso preferidos dos maiores investidores pelos princípios criados e estabelecidos para aumentar os lucros e diminuir riscos. É uma leitura obrigatória para aqueles que desejam mais riscos visando maiores retornos no futuro, seja investindo em moedas estrangeiras, commodities, ações ou imóveis.

“O Investidor Inteligente”, de Benjamin Graham

Crédito da imagem: Reprodução Livro

Lembra-se de Warren Buffett que conversamos lá em cima, o maior investidor da história? Esse foi seu comentário para este livro: “De longe, o melhor livro sobre investimentos já escrito. Se você tiver que ler um só livro sobre investimentos em toda a sua vida, que seja esse.” Benjamin Grahan traz em sua obra o conceito de “value investing”, capaz de desenvolver estratégias de longo prazo para investidores  em que evitavam-se erros básicos na análise das empresas. Veja o trecho abaixo retirado diretamente do livro diferindo investimento de especulação:

“Para o bem ou para o mal, o instinto de apostar faz parte da natureza humana, portanto, é inútil para a maioria das pessoas até mesmo tentar suprimi-lo. Porém, você precisa confinar e restringir esse instinto. Essa é a única e melhor maneira de se  certificar  de que  nunca  se enganará  e  confundirá especulação  com investimento.”

Pelo rico conteúdo que Graham trouxe, foi rapidamente reconhecido como a Bíblia dos Investimentos e Mercado de Ações, sendo recomendada a leitura para todos os níveis de investidores, desde o mais básico até para especialistas do assunto. Um livro que não pode faltar na sua coleção de investimentos!