Ômega (OMGE3): Oferta secundária de ações pode captar R$ 1 bi

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Pxhere

A Ômega (OMGE3) divulgou na sexta (22) a realização da oferta pública de distribuição secundária, com esforços restritos, da Companhia.

Segundo ata da assembleia, serão ofertadas 24.479.998 ações, sem distribuição parcial de ofertas.

Tendo por base a cotação de fechamento das ações Omega em 22 de janeiro de 2021 (R$ 41,75), o montante total da Oferta seria de R$ 1,022 bilhão.

Abra agora sua conta na EQI Investimentos e tenha acesso a opções de investimentos de acordo com seu perfil. Invista em suas Escolhas

A oferta restrita será destinada exclusivamente aos investidores profissionais e investidores institucionais estrangeiros.

O preço por ação será fixado após a conclusão do procedimento de coleta de intenções de investimento.

O coordenador da oferta no Brasil será o Banco Itaú BBA, já no exterior será coordenada pelo Itau BBA USA Securities.

Copel (CPLE6): BlackRock aumenta participação para 15,04%

A Copel (CPLE6) recebeu da BlackRock, na qualidade de administrador de recursos de terceiros, a informação de que aumentou sua participação na companhia.

Desse modo, a BlackRock passa a deter 6.617.479 ações preferenciais classe B e 12.687.285 American Depositary Receipts (ADR).

O referido aumento representa 19.304.764 ações preferenciais classe B, ou 15,04% do total de ações preferenciais classe B emitidas pela Copel.

CCR (CCRO3) informa aumento de 3,3% no tráfego de rodovias sob concessão da companhia

A CCR (CCRO3) informou na sexta (22) o resultado consolidado do tráfego das rodovias do período compreendido entre 15/01/2021 e 21/01/2021.

Na semana em questão houve acréscimo de 3,3% em relação à semana anterior. No acumulado do ano, o tráfego segue em contínua melhora, com avanço de 1,9%.

Por todas as rodovias operadas pela CCR passaram menos 10,8% carros de passeio (menos 9,3% na semana anterior) e mais 14,4% de veículos comerciais (mais 17,5% na semana anterior).

A AutobAn, que liga a capital paulista ao interior, teve queda de 3,7% na comparação anual. Os carros de passeio caíram 17,6% na AutoBan e os comerciais subiram 10,4%.

Na ViaOeste, sistema Castello Branco e Raposo Tavares, também em São Paulo, as quedas foram de 4,2% no acumulado do ano.

Já na estrada que liga as duas maiores cidades do país, a NovaDutra, entre Rio de Janeiro e São Paulo, as quedas nessa semana foram de 1,5%, e no acumulado do ano, de 1,9%.