O que é Perfil de Investidor?

Filipe Teixeira
Colaborador do Torcedores
1

Foto: img-capa

Assim que você começa a se informar sobre possibilidades de investimento, se depara com esse termo – “perfil de investidor”.

Absolutamente todas as matérias sobre o tema vão citar esse termo, e mais, vão te dizer para não dar um passo sem saber direitinho qual é o seu.

Mas enfim, o que é perfil de investidor?

[box type=”success” align=”” class=”” width=””]Perfil de investidor nada mais é que o apanhando de diversas informações que mostrarão quais aplicações são mais indicadas para você naquele determinado momento.[/box]

Ferramenta ajuda na escolha de suas ações de acordo com balanços

Então eu posso ter “mais de um tipo” de perfil?

Claro!

A grande sacada para não se prender a um rótulo pré determinado é o conhecimento de que seu perfil não só pode como VAI mudar ao longo de sua vida.

Por isso que todos os especialistas te dirão para ficar atento às mudanças para fazer as alterações necessárias em seus investimentos sempre que necessário.

O que devo considerar para definir meu perfil?

A sua idade é o primeiro fator a ser considerado – Se você é jovem pode arriscar mais, já que teoricamente terá tempo para se recuperar, então uma parte maior de seus investimentos podem ser alocados em aplicações de renda variável, como ações da bolsa de valores.

EQI, BTG Pactual Forpus Capital lançam novo fundo de ações

Geralmente, o perfil dos mais jovens tende a ser mais arrojado.

Se você está mais próximo da aposentadoria, deve investir em aplicações para garantir seu patrimônio, neste caso renda fixa atrelada ao CDI pode ser a melhor opção.

[banner nome=”facebook”]

Geralmente, o perfil do investidor maduro tende a ser mais conservador.

Segurança x risco de perda – Pense de maneira geral qual sua tolerância em correr riscos, para algumas pessoas a segurança é primordial, para outras os riscos “fazem parte” e sem eles não se obtém lucros expressivos.

[box type=”warning” align=”” class=”” width=””]Se você se encaixa no primeiro grupo, opte por investimentos seguros, que sejam assegurados pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito), se está aberto a correr certo risco, monte uma carteira mais arrojada.[/box]

Qual seu objetivo? – Determine o que espera de seu investimento. Você quer defender seu patrimônio da inflação? Quer ter uma renda extra proveniente destes investimentos? Pretende obter um aumento significativo de seu montante inicial para aquisição de algo?

O que você almeja, e em quanto tempo pretende atingir esse objetivo é uma das questões importantes para te definir como investidor.

[tie_list type=”starlist”]

  • Você já investiu em renda fixa? Você já investiu em renda variável? – Avalie seu grau de conhecimento sobre o mercado financeiro, analise quais experiências já teve e como foram suas reações sobre elas.
  • Faça suposições – em caso de uma grande oscilação econômica, o que você faria? Em caso de doença de que maneira seria afetada sua necessidade de liquidez?
  • Qual sua renda mensal? Quanto você pode investir? Qual seu patrimônio?- Faça sempre um estudo profundo sobre sua vida financeira, ponha no papel quais são os riscos iminentes de mudança de cenário e como isso afetaria seu patrimônio.
  • Faça nosso teste! Descubra qual seu perfil de investidor!

[banner id=”botao-teste-perfil”]

[/tie_list]