Morning Call: Ibovespa pode ter mais um dia de recuperação

Filipe Teixeira
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Divulgação/Ibovespa

Uma manhã promissora para os mercados globais. Com a exceção do índice Nikkei, no Japão, que fechou em baixa de 0,88%, os principais índices asiáticos encerraram a terça-feira no positivo, com destaque para a Coréia do Sul e Hong Kong, que tiveram as altas mais expressivas: 1,88% e 1,85% respectivamente.

Da China, a excelente notícia de que a atividade industrial chinesa voltou a mostrar expansão neste mês de março, enquanto o mundo inteiro se prepara para mostrar números que indiquem um cenário recessivo.

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, saiba quais são as melhores atitudes e aplicações para multiplicá-lo

Dando-se todo o desconto da inconfiabilidade dos números chineses, o PMI industrial passou para 52 em março, contra 35,7 da leitura de fevereiro e o PMI de serviços, pulou dos 29,6 verificados m fevereiro, para atuais 52,3. O desafio no gigante asiático agora, é conter a segunda onda da epidemia, para então retomar sua normalidade.

Destaque positivo neste início de manhã, o petróleo se recupera em partes da forte queda verificada nesta segunda-feira: o petróleo WTI opera em alta de 6,42% e o do tipo Brent mostra uma reação um pouco mais modesta, subindo 3,63%.

Os mercados europeus operam em firme alta na abertura dos trabalhos, com destaque para o Dax alemão, que no momento apresenta alta de 2,44%. Em Nova Iorque, os índices futuros também trabalham em terreno positivo, com o Dow Jones e o S&P apresentando altas na casa dos 0,60% e o índice Nasdaq operando acima do 1% de alta.

Ainda nos EUA, dois importantes indicadores serão conhecidos hoje: a atividade industrial de março, medida pelo ISM de Chicago, deve seguir na casa dos 40 pontos, a exemplo da leitura anterior, em fevereiro, que apontou para uma desaceleração ainda leve (49), ainda não refletindo os impactos mais severos da pandemia, que se agravou neste mês de março em território americano.

Outra leitura, de igual importância, medirá o índice de confiança do consumidor através da Conference Board. Estima-se uma queda para 110 pontos, ante os 130,7 medidos em fevereiro.

Por aqui, o presidente Bolsonaro parece seguir cada dia mais convicto em sua estratégia de negar a gravidade da situação. Diariamente negando as aparências e disfarçando as evidências, as declarações do chefe do executivo começam a repercutir de forma muito negativa no resto do mundo, aumentando assim a insegurança do ambiente de negócios na bolsa brasileira.

Em coletiva liderada agora pelo General Braga Neto, ministro da casa civil, o ministro da saúde, Luiz Mandetta, informou que o número de internações por síndrome respiratória, já cresceu 445% no país.

A informação foi repassada junto com a atualização dos 4.579 casos confirmados e as 159 mortes em todo o Brasil.

A falta de testes para o Covid-19, dificulta a leitura destes números e o próprio Mandetta alertou que nos próximos dias, com o aumento de testes, se projeta uma explosão no número de casos confirmados, mas segundo o ministro, a taxa de letalidade deve recuar de maneira consistente.

O Senado aprovou ontem à noite, o coronavoucher, o vale emergencial de R$ 600,00 para trabalhadores informais e intermitentes. O texto vai agora para a sanção presidencial.

Em paralelo, o Banco Central corre contra o tempo para anunciar nesta semana, uma linha de crédito para microempresários por meio de suas respectivas maquininhas de cartão. A medida deve incluir microempresas com faturamento entre R$ 150 mil e R$ 200 mil no ano.

Planilha de Ativos

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.