Mitre (MTRE3) tem lucro líquido de R$ 22,9 milhões, alta de 311%

Felipe Alves
Jornalista com experiência em reportagem e edição em política, economia, geral e cultura, com passagens pelos principais veículos impressos e online de Santa Catarina: Diário Catarinense, jornal Notícias do Dia (Grupo ND) e Grupo RBS (NSC).
1

Crédito: Mitre/Divulgação

A Mitre (MTRE3) reportou um lucro líquido de R$ 22,9 milhões no terceiro trimestre de 2020. O valor é 311,9% maior do que o reportado no mesmo período do ano passado.

Em relação ao segundo trimestre deste ano também houve alta, de 130,8%.

O aumento foi consequência do grande crescimento da receita e do lucro bruto.

BDRs| Confira os papéis disponíveis para Investimentos

Para a empresa, os resultados foram sólidos e “confirmaram o alto desempenho da companhia mesmo em cenário desafiador”.

Ebitda sobe 186%

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado no terceiro trimestre de 2020 foi de R$ 28,3 milhões.

Em relação ao mesmo período de 2019 a alta foi de 186,7%. Em relação ao segundo trimestre de 2020 o aumento foi de 464,3%, como consequência do aumento do lucro bruto.

A margem Ebitda ajustada da Mitre ficou em 19,7%, 3,5 p.p. maior do que o mesmo período de 2019. A margem também cresceu em relação ao 2TRI20, que registrou 7,7%.

Receita líquida dobra

A receita líquida da Mitre também deu um salto considerável.

No terceiro trimestre de 2020 a receita foi de R$ 143,4 milhões ante R$ 60,7 milhões em 2019. Ou seja, aumento de 136,2%.

A variação também foi positiva com relação ao segundo trimestre de 2020, com aumento de 120,4%.

ROAE positivamente impactado

No terceiro trimestre, o ROAE (returno on average equity) da Mitre foi positivamente impactado pelo aumento do lucro líquido, atingindo 2,3% versus 1,0% no 2T20, considerando somente o lucro líquido do trimestre.

A dívida bruta da Mitre ao final do 3T20 totalizou R$ 53,3 milhões. O valor correspondeu a uma redução de 17,2% quando comparada a R$ 64,4 milhões do 2T20.

A companhia fechou o 3T20 com um saldo total em caixa de R$ 816,4 milhões. Assim, resulta em posição de caixa líquido de R$763,1milhões, representando 76,7% do seu patrimônio líquido (book value).

Resultados Mitre 3TRI20

 

 

 

 

 

 

 

Lançamentos da Mitre

Assim que as restrições foram flexibilizadas, a Mitre lançou quatro empreendimentos, totalizando R$ 456,4 milhões de VGV em 927unidades.

Deste valor, 63% foram vendidas no terceiro trimestre, confirmando o alto VSO de 56,8% no trimestre e 71,9% nos últimos doze meses.

“As vendas de estoque também continuaram bastante aquecidas e, somadas às vendas de lançamentos, atingimos R$ 256,0 milhões de vendas líquidas no trimestre. Encerramos o trimestre com R$ 259,0 milhões em estoque, sendo apenas 10 unidades, ou R$ 5,3 milhões, de estoque pronto, mesmo com a entrega do Max Mitre em julho de 2020”, diz a empresa.

Por fim, o Índice de VSO (Vendas sobre Oferta) no 3T20 foi de 56,8% comparado a 29,8% no 2T20 e a 44,2% no mesmo período de 2019. O resultado superior foi impulsionado pelo sucesso de vendas dos lançamentos no trimestre.

 

Se você quer saber mais sobre o mercado de ações e como investir, preencha o formulário abaixo que um assessor da EQI Investimentos entrará em contato.