Agricultura não foi notificada pela China sobre Covid-19 em frango

Marcia Furlan
Jornalista com mais de 30 anos de experiência. Trabalhou na Editora Abril e Agência Estado, do Grupo Estado, como repórter e editora de Economia, Política, Negócios e Mercado de Capitais. Possui MBA em Mercado de Derivativos pela FIA.
1

Crédito: Arquivo/Agência Brasil

O Ministério da Agricultura afirmou na manhã desta quinta-feira (13) que ainda não foi notificado oficialmente pelas autoridades chinesas sobre detecção da presença do coronavírus em um lote de carne de frango importado do Brasil.

Uma nota publicada no site do município de Shenzhen, com base em informações da autoridade sanitária local, fala sobre uma suposta detecção de ácido nucleico do coronavírus na superfície de uma amostra de asa de frango congelada vinda do Brasil.

Segundo a nota, outras amostras do mesmo lote foram coletadas, analisadas e os resultados foram negativos.

Conquiste sua Independência Financeira. Conheça os 4 Pilares para Investir

A notícia foi veiculada pela imprensa chinesa na noite de ontem. O Escritório de Prevenção e Controle de Epidemiologia de Shenzhen informou que todas as pessoas que manusearam ou entraram em contato com o material testaram negativo para a Covid-19.

Fiscalização

O Ministério disse ter consultado a Administração-Geral de Aduanas da China para esclarecer as circunstâncias da suposta contaminação e ressaltou que produtos de estabelecimentos sob o Serviço de Inspeção Federal ( SIF) obedecem protocolos rígidos para garantir a saúde pública.

A nota do ministério diz ainda que, para Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO) e a Organização Mundial da Saúde (OMS), não há comprovação científica de transmissão do vírus da Covid-19 a partir de alimentos ou embalagens de alimentos congelados.

De acordo com a revista Época, o frigorífico catarinense Aurora confirmou que o lote mencionado pertence à empresa. Mas informou que está buscando mais informações junto a autoridades chinesas que possam esclarecer como um alimento congelado que passa quase 40 dias em transporte poderia testar positivo para a Covid-19.

 Conheça os benefícios de se ter um assessor de investimentos