Minerva (BEEF3) confirma joint-venture; Ser (SEER3) cancela AGE sobre Laureate

Fernando Augusto Lopes
Redator e editor
1

Crédito: Divulgação / Minerva Foods

A Minerva (BEEF3) apresentou nesta quarta-feira (4) esclarecimentos solicitados pela B3 (B3SA3) sobre notícia veiculada no Valor Econômico ontem, sob o título “Minerva faz acordo na China para criar nova joint venture”.

A empresa confirma que celebrou memorando de entendimentos não vinculante com o conglomerado chinês Greenland, com intuito de explorar oportunidades comerciais no mercado chinês, em particular na importação e distribuição de carne bovina, por meio da constituição de uma joint venture.

Entretanto, a Minerva reforça o caráter não vinculante do memorando de entendimentos.

BDRs| Confira os papéis disponíveis para Investimentos

“Neste momento, não há informações materiais a serem divulgadas aos acionistas e o mercado em geral”, defende-se a Minerva.

Por fim, a companhia informa que a celebração do memorando de entendimentos está em linha com a estratégia de maximizar seus canais de distribuição na China e ocorre, concomitantemente, às demais estratégias de negócios.

Ser Educacional (SEER3) cancela AGE sobre ADRs e Laureate

A Ser Educacional (SEER3) comunicou hoje que cancelou a Assembleia Geral Extraordinária (AGE) que seria realizada no dia 9 de novembro próximo, às 14h00.

A pauta era a deliberação sobre admissão, registro e listagem de American Depositary Shares (ADSs), evidenciadas por American Depositary Receipts Nível III (ADRs), em bolsa de valores localizada nos Estados Unidos.

O cancelamento decorre do acordo extrajudicial firmado entre a Ser e a Laureate, por meio do qual foi outorgada quitação ampla e geral de parte a parte com relação às obrigações em contrato.

Hoje, a Ser informou também que decidiu exercer o direito de receber em dinheiro a multa de R$ 180 milhões pelo “go shop”, prevista no contrato firmado com a Ânima (ANIM3) pelos ativos da Laureate no Brasil.

Lojas Renner (LREN3) paga JCP no total de R$ 50 mi

A Lojas Renner (LREN3) comunicou nesta quarta (4) aos detentores dos papéis da 11ª emissão de debêntures simples, de 5 de maio de 2020, que amanhã, 5 de novembro pagará juros.

O valor é de R$ 25,749649 por debênture da 1ª série e de R$ 25,947223 por debênture da 2ª série.

O montante será creditado nas contas correntes indicadas pelos debenturistas no momento da subscrição.

Rede d1000 anuncia que projeta a abertura de 30 novas unidades em 2021

A d1000 (DMVF3) informou hoje que espera abrir 30 lojas em 2021.

As projeções consideram a estratégia de expansão da d1000; a capacidade financeira para suporte dos investimentos; o potencial para obtenção de pontos comerciais atraentes e com retornos adequados e “outras circunstâncias inerentes às suas atividades, sujeitas a riscos e incertezas”, diz a empresa.

“Vale ressaltar que as projeções são estimativas, por isso, não constituem promessa de desempenho (positivo ou negativo), de modo que poderão ser revistas”, alerta, em comunicado ao mercado.

Eventuais revisões serão reapresentadas e divulgadas ao mercado.

Se você quer saber mais sobre o mercado de ações e como investir, preencha o formulário abaixo que um assessor daEQI Investimentos entrará em contato.