Microsoft (MSFT34) registra lucro líquido de US$ 20,5 bilhões, alta de 48%

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Reprodução/Pixabay

A Microsoft (MSFT34) reportou um lucro líquido de US$ 20,5 bilhões no trimestre encerrado em 30 de setembro de 2021. O resultado equivale a um aumento de 48% no lucro líquido quando comparado ao mesmo período de 2020.

Segundo a companhia, a receita total para o período teve o crescimento mais rápido desde 2018 ao avançar 22% no ano e atingir US$ 45,3 bilhões.

O lucro diluído por ação foi de US$ 2,71 GAAP e de US$ 2,27 não-GAAP, o que representa um aumento de 49% e 25%, respectivamente.

“Tivemos um forte início no ano fiscal, com nosso Microsoft Cloud gerando US$ 20,7 bilhões em receita no trimestre, um aumento de 36% em relação ao ano anterior”, disse Amy Hood, vice-presidente executiva e diretora financeira da Microsoft.

Destaques da Microsoft

A receita da área Produtividade e Processos de Negócios foi de US$ 15 bilhões e aumentou 22%, puxada por produtos como Office Commercial e serviços em nuvem, cuja receita aumentou 18%, impulsionada pelo crescimento da receita comercial do Office 365 de 23%.

A receita de produtos e serviços em nuvem do Office Consumer aumentou 10% e os assinantes do Microsoft 365 Consumer aumentaram para 54,1 milhões. Já a do LinkedIn aumentou 42%.

A dos produtos Dynamics e serviços em nuvem aumentou 31%, impulsionada pelo crescimento da receita do Dynamics 365 de 48%.

A receita em Intelligent Cloud foi de US$ 17 bilhões e aumentou 31%, destacando-se produtos de servidor e serviços em nuvem, que aumentou 35%, com o Azure subindo 50%.

As ações da Microsoft subiram 39% em 2021, enquanto o índice S&P 500 subiu cerca de 22% no mesmo período.