Mercados em alta generalizada após PIB chinês; yuan valoriza

Rodrigo Petry
Editor-chefe, com 18 anos de atuação em veículos, como Estadão/Broadcast, InfoMoney, Capital Aberto e DCI; e na área de comunicação corporativa, consultoria e setor público; e-mail: rodrigo.petry@euqueroinvestir.com.
1

Crédito: Reprodução / Pixabay

Os mercados internacionais operam com alta generalizada na manhã desta sexta-feira (17) após a divulgação do PIB da China, que avançou 6,1% no ano passado. Apenas no quarto trimestre, o PIB chinês subiu 6%.

O resultado veio em linha com as expectativas dos economistas e analistas do mercado, de acordo com a CNBC, que estavam receosos quanto ao indicador, pois poderia sofrer influência negativa da guerra comercial travada com os EUA.

Outro sinal positivo é o que vem da valorização da moeda chinesa, que segue se fortalecendo e está cotada a 6,8577 de dólar.

No auge das negociações comerciais com os EUA, a moeda chinesa sofreu forte desvalorização, chegando a patamares superior a 7,10.

Na Ásia, a bolsa de Shangai subiu 0,05%, o índice Nikkei fechou com alta de 0,45% e o índice HSI subiu 0,60%.

Segundo a CNBC, as ações do Japão e da Coréia do Sul – índice Kospi (+0,11%) – atingiram as máximas em 15 meses.

EUA

Acompanhando o movimento das bolsas asiáticas, os futuros de Nova York operam em forte alta: S&P (+0,20%), Nasdaq (+0,28%) e Dow Jones (+0,27%).

Além dos dados chineses, os investidores digerem ainda os balanços da véspera do Morgan Stanley, que veio acima das expectativas.

Adicionalmente, as empresas de tecnologia se destacam, com a Microsoft atingindo níveis recordes e a Alphabet, controladora do Google, passando a valer na bolsa mais de US$ 1 trilhão, pela primeira vez.


Aproveite as oportunidades e aumente a rentabilidade dos seus investimentos.

Preencha seus dados abaixo e conte com especialistas para ajudar.

Se preferir, ligue direto para 4007-2374