Lojas Renner (LREN3), Sabesp (SBSP3) e Hering (HGTX3) aprovam dividendos

Marco Antônio Lopes
Editor. Jornalista desde 1992, trabalhou na revista Playboy, abril.com, revista Homem Vogue, Grandes Guerras, Universo Masculino, jornal Meia Hora (SP e RJ) e no portal R7 (editor em Internacional, Home, Entretenimento, Esportes e Hora 7). Colaborador nas revistas Superinteressante, Nova, Placar e Quatro Rodas. Autor do livro Bruce Lee Definitivo (editora Conrad)
1

Crédito: Divulgação

A Assembleia Geral Ordinária da Lojas Renner (LREN3) aprovou o pagamento de dividendos no valor de R$ 30,88 milhões, equivalentes a R$ 0,03894 por ação ordinária.

Segundo a Renner, o pagamento será efetuado a partir de 7 de maio de 2021.

Simule seus investimentos com um especialista e confira as melhores opções de acordo com seu perfil

Farão jus aos dividendos os acionistas da companhia detentores de ações em 23 de abril de 2021, diz a Renner em comunicado.

Dessa forma, a partir de 26 de abril de 2021 (inclusive) as ações da companhia serão negociadas “ex-dividendos”.

Os Juros Sobre Capital Próprio (JCP), creditados em 16 de março de 2020, 18 de junho de 2020, 17 de setembro de 2020 e 15 de dezembro de 2020, serão pagos também a partir de 7 de maio de 2021, informa nota.

Sabesp (SBSP3): JCP de R$ 271,96 mi

A Sabesp (SBSP3) aprovou o pagamento de juros a título de remuneração sobre o capital próprio relativo ao período de janeiro a dezembro de 2020, aos acionistas detentores de ações na data base de 29 de abril de 2021.

Os JCP somam R$ 271,96 milhões, correspondentes a R$ 0,3979 por ação ordinária. Esse montante será pago em 28 de junho de 2021.

As ações passam a ser negociadas ex-juros a partir de 30 de abril de 2021.

Hering (HGTX3) aprova R$ 16,6 milhões em dividendos

A Hering (HGTX3) referendou o pagamento de R$ 16,64 milhões em dividendos, o equivalente a R$ 0,1068510589 por ação.

Segundo a companhia, terão direito aos dividendos os detentores de ações de emissão em 29 de abril de 2021, com ações negociadas ex-dividendos a partir de 30 de abril de 2021. O pagamento dos dividendos será feito em 26 de maio de 2021, sem qualquer atualização monetária.

Light (LIGT3): grupamento e desgrupamento de ações ON

A Light (LIGT3) anunciou a aprovação do grupamento e desgrupamento simultâneo de ações ON.

O grupamento da totalidade das ações será feito à razão de 100 para 1 ação com o simultâneo desdobramento de cada ação grupada na proporção de 1 para 100.

De acordo com a Light, a operação foi elaborada em virtude da existência de um grande número de acionistas detentores de participações acionárias inferiores a 100 ações. A maioria se encontra na
condição de inativos, gerando, diz a empresa, “significativo volume de serviços e custos operacionais para a companhia.

Dessa forma a operação tem como objetivo reduzir custos administrativos e operacionais para a companhia e seus acionistas e proporcionar maior eficiência na gestão da base acionária. Além disso, a Light espera reduzir as possibilidades de erros de informação e comunicação, melhorando o atendimento aos  acionistas.

“A operação consistirá no grupamento das 372.555.324 ações ordinárias, à razão de 100 para 1, com o simultâneo desdobramento das ações ordinárias, na proporção de 1 para 100, resultando em 372.555.324 ações ordinárias”, explica a Light.

Simultaneamente à operação no mercado brasileiro, os valores mobiliários negociados no mercado americano, as ADR (American Depositary Receipt) também serão grupados e, simultaneamente, desdobradas, obedecendo-se a mesma proporção e o mesmo prazo estipulado para ajuste das
posições no mercado brasileiro.

As ADR de emissão continuarão a ser negociados na proporção de uma ação ordinária para um ADR.

A Light lembra que a operação não resultará em alteração do valor do capital social, e os direitos conferidos pelas ações de emissão da Companhia a seus titulares também não serão modificados.

CPP (CCPR3): Morgan Stanley passa a deter 4,9% das ações

A Cyrela Commercial Properties, CCP (CCPR3) comunicou que o banco Morgan Stanley, de forma agregada, por meio de suas subsidiárias, reduziu participação. Passou a deter 7.550.779 ações ordinárias, representando 4,9% do número total.

Paranapanema (PMAM3) tem novo diretor de RI

A Paranapanema (PMAM3) anunciou que Igor Taparelli será o novo diretor de RI (Relação com Investidores) da companhia, acumulando o cargo de diretor financeiro.

O Conselho de Administração, em reunião nesta quinta (29), designou Taparelli para o cargo.

 

 

Cases da Bolsa

Aprenda análise fundamentalista de ações na prática, com maiores cases já criados na B3