Loft vai operar fundo de R$ 360 milhões na B3, diz Estadão

Paulo Amaral
Jornalismo é meu sobrenome: 20 anos de estrada, com passagens por grandes veículos da mídia nacional: Portal R7, UOL Carros, HuffPost Brasil, Gazeta Esportiva.com, Agora São Paulo, PSN.com e Editora Escala, entre outros.
1

Crédito: Reprodução/Pixabay

A Loft, startup de reforma, venda e compra de imóveis, vai começar a operar um novo fundo na B3, Bolsa de Valores paulista.

Dúvidas sobre como investir? Consulte nosso Simulador de Investimentos

De acordo com informações do Broadcast/Estadão, o fundo terá R$ 360 milhões, que serão operados da seguinte forma:

Conquiste sua Independência Financeira. Conheça os 4 Pilares para Investir

  • R$ 100 milhões já investidos pela empresa;
  • R$ 200 milhões captados em oferta restrita coordenada pela XP Investimentos e pelo Itaú BBA;
  • R$ 60 milhões serão trazidos pela Loftnos próximos meses.

O novo fundo irá se juntar ao que a empresa captou no fim de 2019, com a Credit Suisse Hedging-Griffo (CSHG), no valor de R$ 270 milhões.

Atualmente, a Loft dispõe de mais de R$ 600 milhões em fundos.

Os benefícios de se ter um assessor de investimentos

Loft (LFTT11) investirá em São Paulo e Rio

De acordo com o Estadão/Broadcast, o fundo, que começará a operar com o ticker LFTT11, terá o dinheiro destinado à compra de imóveis nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro nos próximos três anos.

“Calculamos que os recursos sejam suficientes para realizarmos cerca de 2 mil transações de imóveis”, afirmou Mate Pencz, presidente executivo da Loft.

“Estimamos que será possível fazer de 10 a 12 ciclos dentro desses três anos”, complementou o executivo.

Hoje, a empresa atua apenas nas duas capitais, com imóveis que variam de 25 m² a até 300 m².

“Estamos já em todos os bairros de São Paulo e 14 bairros do Rio de Janeiro, mas vamos ampliar essa presença em breve”, disse Pencz.

“Continuamos estudando outras cidades, mas nossa chegada a novos locais vai depender bastante de como for a retomada das atividades”, avisou.

Planilha de Açõesbaixe e faça sua análise para investir