Liquidez corrente mostra capacidade de pagamento de empresa no curto prazo

Natalia Gómez
Editora, é jornalista especializada no mercado de investimentos há 17 anos. Formada pela PUC-SP, teve experiências em veículos como Agência Estado, Valor Econômico e Revista Você SA; e na área de comunicação corporativa e relações públicas para instituições financeiras.

Existem muitos indicadores que podem ser utilizados para avaliar a saúde financeira de uma empresa. Um deles é a liquidez corrente.

Ela mostra a capacidade de pagamento de uma companhia no curto prazo.

Em outras palavras, esta métrica indica que para cada R$ 1 de dívidas vencíveis dentro de um ano, a empresa conta com uma quantidade de valores disponíveis e realizáveis no mesmo período.

Tudo sobre Investimentos em mais de 80 aulas GRATUITAS

Entenda melhor este indicador e como ele é calculado.

A fórmula da liquidez corrente

Para calcular esta métrica, é preciso dividir o ativo circulante pelo passivo cirulante da empresa.

Liquidez corrente = Ativo Circulante/Passivo Circulante

Ferramenta ajuda na escolha de suas ações de acordo com balanços

Antes de continuar, vamos definir cada um destes conceitos.

Ativos circulantes são todas as disponibilidades, estoques e valores a receber de uma empresa.

Ou seja, é todo bem ou direito que pode ser transformado em dinheiro com facilidade.

EQI, BTG Pactual Forpus Capital lançam novo fundo de ações

Já os passivos circulantes são as contas a pagar, impostos, empréstimos e financiamentos de curto prazo.

Os passivos circulantes representam todas as dívidas a serem pagas pela empresa dentro do prazo de um ano.

Como interpretar

Quando a liquidez corrente é maior que 1, é um sinal de que a empresa tem uma boa capacidade de pagar suas obrigações.

Em outras palavras, mostra que existe capital circulante – capital de giro – líquido positivo.

Isso é importante porque as empresas precisam ter alguma folga para honrar seus compromissos.

Para os acionistas, isso torna o investimento na empresa muito mais seguro.

Por outro lado, o indicador menor que 1 vez mostra uma alta dependência da sua geração de caixa. Isso porque o ativo circulante é menor que o passivo circulante.

Neste caso, a empresa pode precisar usar o lucro ou a venda de algum ativo para arcar com suas obrigações.

De acordo com o livro Demonstrações Contábeis, empresas com o índice de liquidez corrente menor que 1 sinaliza que todo o ativo circulante está sendo financiado por capitais alheios a curto prazo.

Caso a liquidez corrente de uma empresa seja igual a 1, significa que o capital e as obrigações são equivalentes.

Indicadores semelhantes

Existem outros indicadores de liquidez que são importantes para analisar uma empresa.

Um deles é a liquidez seca. Para calcular este índice, basta usar o mesmo cálculo da liquidez corrente, mas o estoque deve ser desconsiderado na soma do ativo circulante.

Já a liquidez geral inclui ativos e passivos realizáveis no longo prazo, medindo a capacidade do pagamento em geral.