Linx (LINX3) contrata BR Partners para analisar proposta de fusão da Totvs

Felipe Alves
Jornalista com experiência em reportagem e edição em política, economia, geral e cultura, com passagens pelos principais veículos impressos e online de Santa Catarina: Diário Catarinense, jornal Notícias do Dia (Grupo ND) e Grupo RBS (NSC).
1

Disputada pela Totvs (TOTS3) e pela Stone (STNE), a Linx (LINX3) anunciou nesta terça-feira (08) que contratou uma assessoria financeira para analisar as propostas de fusão. A BR Partners Assessoria Financeira vai elaborar um relatório que será entregue ao comitê independente da Linx.

De acordo com a empresa, os membros do comitê independente constituído para analisar a proposta da Totvs receberam no dia 4 de setembro a minuta de protocolo e justificação de incorporação da operação. Por isso, no dia 5 de setembro, a Linx contratou a BR Partners para auxiliar o grupo na análise da proposta.

 

Ferramenta ajuda na escolha de suas ações de acordo com balanços

A disputa pela Linx

A Linx detém hoje 45% do mercado de sistemas de gestão para o setor varejista. Tem como clientes grandes nomes do mercado, como Boticário, Natura, Centauro, Tok&Stok, Ipiranga e Drogaria São Paulo.

Esse grande portfólio de produtos e os mais de 70 mil clientes atraiu duas propostas de fusão com a Linx. Uma é da Stone e a outra da Totvs.

Em agosto, a Stone ofereceu R$ 6 bilhões para comprar a Linx. Deste valor, 90% seria pago em dinheiro e 10% em ações. Esse valor subiu para R$ 6,2 bilhões após um aditivo assinado pelas empresas em 1º de setembro.

Mas a polêmica sobre o acordo com a Stone está no fato de que, segundo a visão dos acionistas minoritários, a proposta renderá prêmio aos fundadores – prática vetada a empresas do Novo Mercado. A proposta da Stone já foi aprovada por acionistas e protocolada na SEC (Securities and Exchange Commission), nos Estados Unidos.

Além disso, os acionistas minoritários da Linx querem que a empresa apresente e analise ambas propostas conjuntamente e não separadamente. Em breve, a Totvs também deve enviar sua proposta para o aval da SEC.