Justiça do PR libera Triunfo (TPSI3) a distribuir dividendos

Osni Alves
Jornalista (2007); Especializado em Comunicação Corporativa e RP (INPG, 2011); Extensão em Economia (UFRJ, 2013); Passou por redações de SC, RJ e BH (oalvesj@gmail.com).

Crédito: Divulgação

A Triunfo Participações (TPIS3), companhia com atuação no setor de infraestrutura e em concessões rodoviárias, informou por meio de fato relevante que a justiça do Paraná decidiu, em primeira instância, suspender a decisão que impedia a distribuição de dividendos.

Com isso, a empresa está liberada a realizar o pagamento dos lucros aos acionistas. O caso envolveu a holding e as subsidiárias Econorte e Rio Tibagi. A primeira administra pedágios enquanto a segunda presta apoio rodoviário.

Processo

A Triunfo está sendo investigada e processada pelo Estado do Paraná. Ex-administradores e ex-funcionários se tornaram réus em uma ação decorrente da Operação Lava Jato. Eles são suspeitos de pagarem propina a servidores públicos para obter vantagens no contrato. A Controladoria Geral do Estado (CGE) possibilita acordos de leniência.

BDRs| Aprenda mais sobre essa classe de Ativos

Outras empresas concorrentes da Triunfo com atuação no Paraná também são investigadas. São elas Viapar, Ecovia – Caminhos do Mar, Caminhos do Paraná, Ecocataratas e CCR Rodonorte. Em nota, todas se dizem à disposição da Justiça para esclarecimentos.

Ao todo, foram bloqueados R$ 2 bilhões das empresas envolvidas no imbróglio.