Jornais | Safra de balanços foi forte, mas pressão de custos se acentua

Osni Alves
Jornalista desde 2007. Passou por redações e empresas de comunicação em SC, RJ e MG. E-mail: oalvesj@gmail.com.

A safra de balanços referente ao terceiro trimestre de 2021 foi forte, mas a pressão de custos se acentua para as companhias. A informação é do Valor Econômico.

O jornal também destaca que algumas cadeias elevaram provisões para perdas, na tentativa de se proteger da inadimplência, com a escalada da inflação.

Empresas buscam ajuda para reduzir conta de luz

O Globo, por sua vez, informa que as empresas estão buscando ajuda para reduzir a conta de luz e, com isso, as startups que prestam consultoria tiveram alta de até 40% na demanda.

Brasil: cenário ruim entre emergentes

Já o Estadão destaca que o Brasil deve ter o pior resultado de economias emergentes em 2022. As previsões são de cinco grandes bancos e consultorias e apontam um crescimento do PIB de 0,8% a 1,9%

Por fim, a Folha de S. Paulo frisa que os aposentados podem perder com a PEC dos precatórios, visto que o texto, como está, tende a afetar o pagamento da União a grupos prioritários como aposentados e professores.

Internacional

Em relação ao noticiário internacional, como já elencado pelo Euqueroinvestir.com na matéria acerca dos mercados, a movimentação em Wall Street segue somente até quarta-feira (24) por conta do Dia de Ação de Graças, feriado nacional nos Estados Unidos. Assim, quinta-feira o mercado estará fechado, e sexta também, quando haverá a famosa Black Friday.

Os investidores estarão atentos ainda à nomeação do próximo chefe do Federal Reserve por parte do presidente Joe Biden. Atualmente, quem comanda a pasta é Jerome Powell que pode se manter no cargo. Outro nome possível é o da ex-subsecretária do Tesouro dos Estados Unidos para Assuntos Internacionais Lael Brainard.

Na Europa, a quarta onda da Covid-19 está no radar do mercado, com Alemanha e Áustria impondo restrições mais rígidas à população.