Empresas reforçam caixa diante de incertezas; veja mais notícias

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: Reprodução/Pixabay

Um levantamento da Economatica aponta que o dinheiro disponível nos cofres das empresas listadas na Bolsa de Valores aumentou 65% em setembro de 2020 na comparação com setembro de 2019.

A razão, aponta reportagem do Estadão, é que os empresários buscam segurança para atravessar o momento atual, com eventual segunda onda da Covid-19 no país e fim do auxílio emergencial.

Brasil está atrasado na indústria automotiva

Segundo o Valor, o Brasil perdeu relevância no desenvolvimento de novos produtos voltados para carros elétricos, autônomos e tudo o que se busca para atender às novas necessidades de transporte. De acordo com o consultor internacional Jaime Ardila, não será surpresa se montadoras começarem a deixar o país.

BDRs, Day Trade, Unicórnios e novos IPOs.

Hoje é dia de insights para investir em 2021.

De acordo com o jornal, agravam ainda mais a situação o fim de benefícios fiscais, a perda de renda do consumidor e o enfraquecimento das exportações em razão da crise na Argentina, principal mercado externo.

Integrantes do governo ainda tentam Renda Cidadã

Segundo o Valor, integrantes do Palácio do Planalto marcaram uma reunião, a ser realizada até quinta-feira, com o relator das propostas de emenda à Constituição (PEC) do Pacto Federativo e Emergencial, senador Marcio Bittar (MDB-AC). O objetivo é chegar  a uma fórmula de financiamento do Renda Cidadã.

Ala do governo quer corte de gastos

O Estadão aponta que uma ala do governo quer incluir gatilhos de contenção de gastos previstos na PEC emergencial num projeto de lei que trata da renegociação de dívidas de Estados.

Segundo a reportagem, o trâmite seria mais simples que o da PEC e, além disso, sinalizaria compromisso com o teto fiscal.

BC descarta instabilidade do PIX

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, admitiu que algumas operações do PIX não foram completadas ontem (17), estreia da plataforma de pagamento digital.

Mas ele descartou instabilidade no sistema. “É importante diferenciar o que é instabilidade do sistema e o que são operações que não foram completadas. Não houve nenhuma instabilidade no sistema. Houve um volume de operações que não foram completadas em um banco ou outro, e monitoramos isso. Pode ter havido um erro na formatação da chave pelo banco”, disse, segundo o Estadão.

Auxílio por mais quatro meses custaria R$ 15 bi

A Instituição Fiscal Independente (IFI) do Senado Federal divulgou relatório em que projeta que uma prorrogação por quatro meses (janeiro-abril) do auxílio emergencial de R$ 300. Se 25 milhões receberem o benefício, o custo será de R$ 15,3 bilhões. Em um ano, a despesa seria de R$ 45,9 bilhões.

Biden pede aprovação de pacote de US$ 3 tri

Em pronunciamento ontem (16), Joe Biden, presidente eleito dos EUA, defendeu que o Congresso aprove pacote nos moldes da proposta de US$ 3 trilhões que os democratas da Câmara passaram neste ano. “Mais pessoas podem morrer se não coordenarmos”, disse.

Milícias digitais atacaram TSE, diz Barroso

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, afirmou ver “motivação política” nos ataques virtuais sofridos pela Justiça Eleitoral no dia da eleição. Ele apontou “milícias digitais” como responsáveis pela ação.

Para ele, grupos extremistas que “clamam pela volta da ditadura” seriam os responsáveis. A Polícia Federal vai investigar o caso.

Atualização Covid

O número de novos casos de morte por Covid-19 registrados nas últimas 24h até as 20h de ontem somam 256, de acordo com números do consórcio de imprensa. Até agora, o Brasil contabiliza um total de 166.067 mortes e 5.876.740 casos registrados

 

Se você quer sair da poupaça e precisa de ajuda para diversificar seus investimentos, preencha o formulário abaixo que um assessor da EQI Investimentos poderá ajudar em sua jornada.

Participe também da nova edição da Money Week, que acontece de 23 a 27 de novembro. Inscreva-se.