Joe Biden vence as primárias na Virgínia na primeira definição da Super Terça

Fernando Augusto Lopes
Redator e editor

Crédito: Joe Raedle / Getty Images

O ex-vice-presidente Joe Biden venceu as primárias democratas em mais um estado. Depois de levar na Carolina do Sul, Biden conseguiu a vitória também na Virgínia, levando 66 delegados, contra 31 de Bernie Sanders.

Biden confirmou as pesquisas de boca-de-urna e conseguiu 53,2% dos votos, ou 706.218, vencendo em praticamente todos os condados, com exceção de Floyd, que deu a vitória a Bernie Sanders. O senador por Vermont acabou ficando em segundo lugar, com 23,1% dos votos, ou 306.429.

Elizabeth Warren, senadora por Massachusetts, acabou em terceiro, com 10,8% dos votos, ou 142.801, e 2 delegados, à frente Michael Bloomberg, bilionário ex-prefeito de Nova York, que entrou na disputa apenas nessa Super Terça, e conseguiu um modesto 9,7% na Virgínia, ou 128.401 votos, e nenhum delegado, apesar de todo o volume de dinheiro gasto em propaganda.

Análises e Resumos do mercado financeiro com leituras de 5 minutos. Conheça a EQI HOJE

Primárias na Virgínia

O Partido Republicano da Virgínia cancelou sua primária e espera-se que todos os delegados sejam alocados para Donald Trump.

Nas eleições gerais de 2016, Hillary Clinton ganhou o estado com 49,73% dos votos, em comparação com os 44,41% de Trump. Em 2008, Barack Obama se tornou o primeiro democrata a liderar a Virgínia em uma corrida presidencial desde Lyndon Johnson em 1964, o que foi considerado um feito e tanto.

O estado permaneceu azul em 2012 e 2016. Os democratas conquistaram maiorias na Câmara e no Senado da Virgínia na última eleção, dando ao partido o controle total pela primeira vez em mais de duas décadas.

As vitórias democratas no estado geralmente contam com forte apoio dos subúrbios em expansão do norte da Virgínia, em Washington DC, e em torno de Norfolk. Os democratas também contam com o apoio da considerável população afro-americana de Richmond. Os republicanos continuam mantendo uma vantagem na metade ocidental do estado.

Samoa Americana

No distante território de Samoa Americana, na Polinésia, que também participou da Super Terça, quem venceu foi Michael Bloomberg. O bilionário conquistou 5 delegados, ao ganhar 175 votos, ou 49,9% do total.

Em segundo, levando seu até aqui único delegado, ficou a deputada pelo Havaí Tulsi Gabbard, com 103 votos, ou 29,3%. Sanders terminou com 37 votos, 10,5%; e Joe Biden, com 31 votos, 8,8%.

Os números baixos refletem o tamanho da importância do território ultramarino: no total, foram computados 351 votos apenas.

A população total do território, pelo Censo de 2000, dá pouco mais de 57 mil habitantes. A maioria mora na capital Pago Pago.

LEIA MAIS
Joe Biden ganha apoio de ex-rivais às vésperas da Super Terça

Joe Biden vence as primárias da Carolina do Sul