JHSF (JHSF3) lucro cresce 50 vezes no balanço do 2º trimestre

Rodrigo Petry
Editor-chefe, com 18 anos de atuação em veículos, como Estadão/Broadcast, InfoMoney, Capital Aberto e DCI; e na área de comunicação corporativa, consultoria e setor público; e-mail: rodrigo.petry@euqueroinvestir.com.
1

Crédito: JHSF / divulgação

A JHSF (JHSF3) registrou lucro líquido de R$ 254,7 milhões no balanço do segundo trimestre, desempenho 50 vezes superior ao reportado no mesmo período do ano passado, de R$ 5 milhões.

O lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado somou R$ 172,1 milhões, alta de 236,3%.

Já a margem Ebitda ajustada foi de 68%, ante 36,4% de um ano antes.

BDRs| Confira os papéis disponíveis para Investimentos

Enquanto isso a receita líquida subiu 80,2%, para R$ 253,2 milhões.

As despesas operacionais consolidadas no período recuaram 54%.

O resultado financeiro líquido apontou perdas de R$ 17,2 milhões, queda de 71,6%.

O que você verá neste artigo:

Vendas online

Durante o segundo trimestre, a empresa ampliou sua estratégia digital.

O CJ Fashion com mais de 300 marcas no portfólio teve alta de 271% das vendas.

O serviço do CJ Concierge, que leva aos clientes qualquer produto, teve desempenho superior ao projetado, com
aumento de vendas de 332,5%.

Os pedidos do Delivery Fasano cresceram 963,6% quando comparado ao primeiro trimestre.

Isso fomentou a a criação do CJ Food, novo aplicativo de gastronomia desenvolvido pela JHSF.

Receitas

No consolidado, as receitas da companhia alcançaram R$ 266,2 milhões, crescimento de 70,3%.

O resultado foi impulsionado pelo desempenho do segmento de Incorporação.

Mesmo com stands de venda fechados, a demanda pelos produtos fez com que as vendas crescessem 465,4% no período.

A Fazenda Boa Vista foi destaque do trimestre, com crescimento de 531,8% nas vendas.

O aplicativo JHSF Real Estate Sales ajudou a amenizar os efeitos do distanciamento social, levando a um crescimento de 548,1% nas vendas pelo canal online.

Shoppings

Em decorrência da suspensão temporária das atividades dos shoppings, os lojistas da JHSF foram isentos de cobrança de aluguel em abril e maio.

Para junho foi cobrado apenas o aluguel variável proporcional aos dias em que cada operação ficou aberta.

De acordo com a empresa, as obras de expansão da Área Bruta Locável do Cidade Jardim Shops e do Shopping Cidade Jardim seguiram em andamento, e a expansão do Catarina Fashion Outlet foi acelerada.

“O processo de formação de terreno e vinculação de CEPACs para o projeto Faria Lima Shops foi concluído”, acrescentou.

Em julho, a companhia adquiriu terreno a cerca de 2 minutos do Shopping Cidade Jardim onde desenvolverá projeto multiuso com torres residenciais integradas a um shopping center.

JHSF: dividendos

A empresa informou ainda que aprovou o pagamento de dividendos declarados na Assembleia Geral de Acionistas de 09 de abril de 2020, no montante de R$ 0,0787710961 por ação.

Estes dividendos terão como base acionária para pagamento a data de 18 de agosto de 2020.

Assim, as ações serão negociadas “ex-dividendos” a partir de 19 de agosto de 2020.