JBS (JBSS3) e Suzano (SUZB3) ingressam na carteira semanal da Mirae

Fernando Augusto Lopes
Redator e editor

Crédito: Divulgação / JBS

A Mirae Asset recomenda alteração na sua carteira para a semana, iniciada em 11 de maio, em relação à de 4 de maio: entram JBS (JBSS3) e Suzano (SUZB3) e saem Fleury (FLRY3) e Minerva (BEEF3).

A JBS ingressou na carteira em virtude da expectativa causada pela volta à operação das plantas nos Estados Unidos, fechadas ao longo do primeiro trimestre de 2020 durante a pandemia do novo coronavírus.

“Somos otimistas com volumes e preços de carnes para 2020, e esperamos um sólido resultado para a JBS no 1T20”, diz o relatório da Mirae.

Já com relação à Suzano, a Mirae aponta que “o resultado final foi contabilizado em saldo positivo de R$ 1,2 bilhão no 4T19, revertendo o prejuízo líquido de R$ 3,5 bilhões do 3T19 e ficando abaixo do lucro líquido de 3 bilhões no 4T18.”

Simule e projete seus ganhos: utilize nossa calculadora de investimentos

A Mirae Asset acrescenta: “Essa melhora foi decorrente do efeito da variação cambial sobre dívidas em moeda estrangeira. Com a receita alta do dólar, que deverá se manter ainda em patamar elevado em relação ao Real, esperamos que no 1T20, o resultado operacional apresente melhora, afetado apenas na linha do lucro líquido, com impacto no endividamento”.

Expectativas da Mirae

A semana útil que se iniciou nesta segunda-feira (11) “será importante do lado da agenda econômica, já que será continuada a divulgação de dados de atividades em diferentes países, com destaque para vendas no varejo e inflação do mês de abril”, lembra a Mirae.

Conheça os benefícios de se ter um assessor de investimentos

“Os destaques ficam para a sexta-feira (15) com taxa de desemprego do 1Q20, o IBC-Br de março (seria equivalente a um PIB mensal), que já virá afetado pelos reflexos do isolamento de pessoas”, segue.

A corretora observa também o que acontece na Zona do Euro, que terá a divulgação do PIB do 1T20 na sexta-feira.

“Qualquer notícia sobre meios de tratamento da doença podem ajudar no viés das bolsas de valores”, ressalta.

A Mirae aponta também para a safra de balanços:Cosan (CSAN3), BRF (BRFS3), Itaúsa (ITSA4), Eletrobras (ELET6), Rumo (RAIL3), Iochpe (MYPK3), Copel (CPLE6), Embraer (EMBR3), Petrobras Distribuidora (BRDT3), Braskem (BRKM5), Randon (RAPT4), Ultrapar (UGPA3), Via Varejo (VVAR3), Sul América (SULA3), Movida (MOVI3), Suzano (SUZB3), Localiza (RENT3), B3 (B3SA3), JBS (JBSS3), Marfrig (MRFG3), Taesa (TAEE4), brMalls (BRML3), Eztec (EZTC3), Bradespar (BRAP4), Fleury (FLRY3), Petrobras (PETR4), Cogna (COGN3), CCR (CCRO3), Cemig (CMIG4), Copasa (CSMG3) e C&A (CEAB3).

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

“Deveremos continuar acompanhando os ruídos em Brasília, que podem atrapalhar o Ibovespa em algum momento. Continuamos vivendo em um período de grandes incertezas, o que tende a gerar volatilidade no mercado acionário e cambial”, conclui.

LEIA MAIS

Simule e projete seus ganhos: utilize nossa calculadora de investimentos

JBS (JBSS3) doará R$ 700 milhões para o enfrentamento da Covid-19

Petrobras (PETR4) e BR (BRDT3) informam contrato de R$ 1,2 bi