Itaú (ITUB4) informa juros sobre capital próprio e saída de corretora

Regiane Medeiros
Economista formada pela UFSC. Produz conteúdo na área de mercado de capitais, finanças pessoais e atualidades.
1

Crédito: O Itaú e a energia renovável

O Conselho de Administração do Itaú (ITUB4) aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio (JCP), no valor de R$ 0,063960 por ação.

Sobre esse valor incidirá a retenção de 15% de imposto de renda na fonte, resultando em juros líquidos de R$ 0,0543660 por ação.

O Itaú comunicou que o pagamento ocorrerá até 30 de abril de 2021, tendo como base de cálculo a posição acionária registrada no dia 10 de dezembro de 2020.

Conquiste sua Independência Financeira. Conheça os 4 Pilares para Investir

Itaú (ITUB4) aprova cisão de investimento na Newco

O Itaú comunicou ainda que concluiu as discussões internas acerca do futuro de seu investimento na corretora XP.

Dessa forma o Conselho de Administração da Companhia aprovou, nesta quinta-feira (26), a realização da segregação em uma nova sociedade, a Newco.

A operação ocorrerá “mediante cisão de empresas do conglomerado Itaú Unibanco com a versão da parcela cindida representativa de 41,05% do capital da XP para a Newco”, informou o Itaú em fato relevante.

A cisão ainda será deliberada em assembleia e, uma vez aprovada, os acionistas do Itaú passarão a deter, também, participação acionária na Newco.

Itaú (ITUB4) anuncia eleição de diretores

Ainda nesta quinta-feira, o Conselho de administração do banco aprovou a nomeação do novo quadro de diretores da Companhia.

Assim sendo, foram eleitos Daniel Sposito Pastore e Teresa Cristina Athayde Marcondes para um mandato anual.

Os novos diretores serão investidos no cargo após a homologação de sua eleição pelo Banco Central. Já os demais cargos da diretoria e as atribuições de responsabilidades não sofreram alterações.

Veja mais:

Money Week: influenciadores ensinam como começar a investir

Money Week: Investir é um estudo permanente, diz Florian Bartunek