Isa Cteep (TRPL3; TRPL4) tem alta de 289,5% no lucro no 2TRI

Felipe Moreira
Felipe Moreira é Graduado em Administração de empresas e pós-graduado em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 6 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Divulgação

A Isa Cteep (TRPL3; TRPL4) anunciou um lucro líquido de R$ 919,1 milhões no segundo trimestre de 2020, uma alta de 289,5% no resultado do mesmo período de 2019.

A companhia atribui o resultado ao aumento da receita e redução dos custos e despesas do período.

O resultado financeiro consolidado atingiu despesa de R$ 27,8 milhões, uma redução de 43,3% sobre as perdas financeiras em igual período de 2019.

Conforme a CTEEP, o resultado é explicado pela menor variação sobre empréstimos e debêntures devido à queda da taxa de juros.

As despesas e custos totalizaram R$ 126,5 milhões no trimestre, uma redução de 25,8%.

De acordo com a companhia, o desempenho foi puxado pela diminuição do número de colaboradores e ganhos de eficiência.

Ebtida dispara

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebtida, na sigla em inglês) somou R$ 1,452 bilhão, um aumento de 172,5%.

Já o Ebtida ajustado totalizou R$ 687,3 milhões, uma elevação de 14,7%.

Enquanto a margem Ebtida ajustado atingiu 89%, alta de 11,7 pontos percentuais.

De acordo com a empresa, o aumento do Ebtida é explicado, principalmente, pelos menores custos e despesas operacionais na comparação dos períodos.

A receita líquida da ISA CTEEP somou R$ 1,496 bilhões no trimestre, um aumento de 116,1% em relação a um ano antes.

Esses resultados são explicados, principalmente, pela parcela de ajuste referente à aplicação da revisão tarifária periódica do contrato renovado, o 059, e da remuneração do componente financeiro da RBSE pelo custo do capital próprio, no valor de R$ 894,1 milhões, que será recebida até junho de 2023.

Investimentos

A Isa CTEEP investiu R$ 282,2 milhões no segundo trimestre de 2020,  aumento de R$ 115 milhões em relação ao mesmo período de 2019.

Os aportes foram destinados para reforço e melhorias das subsidiárias.

A Companhia possui aproximadamente R$ 700 milhões de investimentos autorizados em reforços e melhorias que  acontecerão nos próximos anos.

Dívida Isa CTEEP

A dívida líquida da CTEEP encerrou o segundo trimestre em R$ 2,559 bilhões, alta de 0,5%.

Segundo a empresa, a alta da dívida foi influenciada principalmente em função da captação (CCB) realizada no período. Além do impacto da variação cambial nas dívidas contratadas em moeda estrangeira.

A alavancagem financeira, medida pela relação dívida líquida/Ebtida, ficou em 3,7 vezes no final de junho. Um ano antes, a alavancagem era de 4,2 vezes.

Veja os destaques do balanço da Isa CTEEP: