IRB (IRBR3) resolveu 70% dos problemas de liquidez, diz CEO

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 8 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Certificações: CPA-10, CPA-20 e AAI. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Divulgação/IRB

O presidente interino do IRB (IRBR3), Antônio Cássio dos Santos, afirmou que não existem mais ajustes a serem realizados no balanço da companhia.

Santos repetiu algumas vezes durante a teleconferência realizada na manhã desta segunda-feira (31), para comentar os resultados do segundo trimestre, que é preciso tomar cuidado para não confundir os ajustes contábeis realizados com a revisão dos contratos de resseguros que a nova gestão está fazendo.

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, saiba quais são as melhores atitudes e aplicações para multiplicá-lo

O executivo ainda informou que as investigações internas conduzidas pelo IRB foram concluídas. A companhia pretende acionar juridicamente os responsáveis pelas fraudes.

Santos também destacou a transparência da companhia, os processos para fortalecimento da governança corporativa e controles internos.

Liquidez

O vice-presidente do IRB, Wilson Toneto, disse que não há um ‘gap’ de solvência regulatória na companhia, mas apenas de liquidez.

No final do segundo trimestre deste ano, o déficit de liquidez era de R$ 3,3 bilhões.

Com o aumento de capital homologado, o déficit caiu para R$ 1 bilhão. Além disso, Toneto informou que a resseguradora apresentou à Susep um plano para reduzir esse ‘gap’ nos próximos trimestres.

Conforme Cássio dos Santos, após o aumento de capital, o índice de solvência deve subir para 244%, um dos mais elevados do mundo. “Quase 70% do problema de liquidez já está resolvido”, disse.

Operação

A IRB (IRBR3) registrou um prejuízo de R$ 685,1 milhões no segundo trimestre de 2020, revertendo o lucro líquido de R$ 397,5 milhões no mesmo período de 2019.

Perto das 15h desta segunda-feira, as ações da empresa caíam 4,40%.

O resultado financeiro foi positivo em R$ 50,2 milhões no trimestre, uma diminuição de 60,6%.

As despesas administrativas somaram R$ 74,1 milhões, um aumento de 4% na comparação anual.

O prêmio emitido da IRB totalizou R$ 2,543 bilhões, um aumento de 8% em relação ao mesmo trimestre de 2019.

Em prêmios ganhos, a empresa obteve R$ 1,728 bilhão, alta de 25,6%.

O custo de aquisição somou R$ 367,1 milhões, um crescimento de 32,8%.

Planilha de Ativos

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.