Irã volta a ameaçar “resposta séria e forte” caso sofra sanções da União Europeia por quebra do acordo nuclear

Paulo Amaral
null
1

Crédito: Televisão Nacional Iraniana/Agência Brasil

A tensão no Oriente Médio parece não ter dia e nem hora para acabar. Nesta terça-feira (14), o Ministério das Relações Exteriores do Irã avisou que o país está pronto para dar uma “resposta séria e forte” caso a União Europeia aplique sanções por conta do descumprimento do acordo nuclear.

Alemanha, Grã-Bretanha e França abriram caminho para tais sanções como forma de tentar frear as ações militares do Irã e, com isso, acalmar os ânimos na região, cada vez mais exaltados após a troca de ataques entre o país do Oriente Médio e os Estados Unidos.

“Nosso objetivo é claro: queremos preservar o acordo e chegar a uma solução diplomática dentro do acordo. Vamos resolver isso juntos com todos os parceiros do acordo. Conclamamos o Irã a participar construtivamente do processo de negociação que está começando agora”, discursou a ministra das Relações Exteriores da Alemanha, Heiko Maas.

O Irã, por meio do ministro Abbas Mousavi, prometeu a “resposta forte”, mas admitiu também aos canais oficiais do país estar “totalmente pronto para responder a qualquer boa vontade e esforço construtivo”.

O acordo nuclear, assinado em 2015 por Estados Unidos, China, Rússia e os três países da União Europeia, tem como objetivo principal convencer o Irã a parar de desenvolver armas atômicas em troca de incentivos econômicos.

O Irã anunciou que não cumpriria mais o acordo dois dias depois de os Estados Unidos lançarem o ataque em Bagdá que vitimou um de seus principais generais, Qassem Soleimani.

Sua carteira de investimentos está preparada para aproveitar a retomada de crescimento do Brasil? Essa pode ser a oportunidade da sua vida!

Deixe seus dados abaixo e nossa equipe entrará em contato para lhe ajudar.

Ou se preferir, ligue direto para 4007-2374.