Com IPO, subsidiária da Eztec (EZTEC3) quer atuar em galpão logístico

Felipe Alves
Jornalista com experiência em reportagem e edição em política, economia, geral e cultura, com passagens pelos principais veículos impressos e online de Santa Catarina: Diário Catarinense, jornal Notícias do Dia (Grupo ND) e Grupo RBS (NSC).
1

Crédito: Divulgação

A EZ INC Incorporações Comerciais, braço de imóveis comerciais de umas das empresas queridinhas do mercado imobiliário, a EZTec (EZTC3), está com quase tudo pronto para abrir o capital na bolsa brasileira.

Criada oficialmente em 2019, a EZ INC quer aproveitar o bom momento de taxa baixa de juros e de inflação controlada para expandir sua atuação em SP. O objetivo é adquirir mais terrenos, desenvolver torres corporativas e começar a atuar com galpões logísticos de alto padrão.

“Essa abertura é impulsionada pelas condições macroeconômicas favoráveis, o crescimento do e‐commerce, bem como nossa expertise no setor de incorporações na cidade de São Paulo”, diz a EZ INC.

Perdeu a Money Week?
Todos os painéis estão disponíveis gratuitamente!

História da EZ INC

A EZ INC foi constituída em 2019 e é uma incorporadora comercial com um modelo de negócio de ciclo longo. Em 2020, a Eztec transferiu seus ativos de incorporação comercial à EZ INC.

A Eztec atua com exclusividade no Estado de São Paulo, com foco na região metropolitana, área que reúne 39 municípios. Com 41 anos de experiência no setor, a Eztec  já lançou 147 empreendimentos, sendo 11 comerciais.

Desde 2007, a Eztec  lançou um Valor Geral de Vendas (VGV) de R$ 1,3 bilhão em empreendimentos comerciais.

A atuação da EZ INC inclui a aquisição de terrenos, desenvolvimento do projeto arquitetônico e de engenharia e contratação da construção. Assim, o ciclo compreende desde a incorporação, o gerenciamento da locação do empreendimento até a venda.

“Após a venda, reciclamos o nosso capital por meio do investimento em novos terrenos, reiniciando o ciclo. Tanto a locação quanto o momento da alienação são peças chave no modelo de negócio da EZTEC, do qual fazemos parte”, diz a empresa.

Após o lançamento do empreendimento, a empresa aluga as lajes das torres comerciais ou as torres, e aliena os empreendimentos. O aluguel permite manter o fluxo de caixa e a receita, além de gerar valor agregado no momento da venda. “Enquanto a venda realizada no momento oportuno e de forma estratégica, nos permite atingir a rentabilidade e lucratividade esperada, bem como a reciclagem do portfólio e início de um novo ciclo de investimento”, diz a EZ INC.

Além da atuação focada em torres corporativas de alto nível, a EZ INC enxerga uma abertura no mercado de galpões logísticos e industriais. Isso justifica a expansão dos negócios nesse setor que represente 15% do atual portfólio.

Cenário favorável

Para a EZ INC, o cenário macroeconômico é favorável para o setor imobiliário. A empresa cita a taxa Selic de 2% e uma expectativa de inflação controlada como indicadores que devem favorecer o mercado nos próximos anos.

A EZ INC ressalta ainda o boom dos fundos imobiliários, nos últimos três anos.

“Essa aceleração é indicativa do calor do mercado de imóveis comerciais e acreditamos que apresenta um canal de escoamento para as nossas torres de menor porte. Neste mesmo sentido, o volume de crédito disponível em novas emissões de CRIs mais do que dobrou entre 2018 e 2019, avançando de R$ 9 bilhões para R$ 21,8 bilhões”, afirma a empresa.

O aquecimento no mercado imobiliário brasileiro resultou, em São Paulo, em um aumento na quantidade de transações de torres corporativas na cidade de 33 para 64, entre 2018 e 2019. No primeiro trimestre de 2020, mesmo com a pandemia, essa quantidade ficou 44% menor do que em 2019, com 13 transações até março de 2020.

Pontos fortes citados pela EZ INC

  • Atuação desde a escolha do terreno até o aluguel com foco em excelência na execução;
  • Sólida reputação e alto renome da marca Eztec;
  • Administração experiente, voltada para resultados e com acionistas presentes no dia‐a‐dia combinado com políticas de governanças claras;
  • Disciplina na alocação de capital e gestão financeira eficiente;
  • Expertise e alto investimento exercem o papel de barreira de entrada natural.

Principais números

No prospecto preliminar enviado à CVM a EZ INC apresenta os dados financeiros dos últimos anos da EZTEC.

  • O portfólio de imóveis comerciais totaliza um landbank com VGV de R$ 2,8 bilhões até 30 de junho de 2020.
  • O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) totalizou R$ 8,2 milhões em 2019. No ano anterior foi R$ 4,8 milhões.
  • A receita líquida da EZTEC atingiu R$ 21,4 milhões no ano passado. Em 2018 foram R$ 23,2 milhões e, em 2017, R$ 23,3 milhões.
  • Em junho de 2020,  o patrimônio líquido era de R$ 484 milhões.

Sobre o IPO

O pedido de IPO da EZ INC foi feito à B3 em 14 de agosto. A empresa quer ser listada no Novo Mercado. Mas detalhes da oferta, como prazos e valores, ainda não foram divulgados.

A empresa fará apenas oferta primária de ações.

A oferta será coordenada pelo Banco BTG Pactual e pelo Banco Itaú BBA.

 

Objetivos da EZ INC

No prospecto preliminar enviado à CVM a empresa elencou os diversos objetivos a longo prazo:

  • Aquisição de novos terrenos e lançamento de novos empreenimdentos. A EZ INC tem duas torres corporativas já performadas e um terreno com contrato de locação assinado com o Atacadão. Além disso, tem seis torres corporativas em fase de desenvolvimento com previsão para início de operação entre 2022 e 2024. O objetivo consiste em expandir as atividades por meio da aquisição de terrenos localizados estrategicamente para o desenvolvimento de torres corporativas AAA na região de São Paulo, assim como de galpões logísticos de alto padrão;
  • Atuação em galpões logísticos e industriais. A empresa diz que incorporações comerciais de galpões são “inéditas” na trajetória da empresa. Mas acredita que tem capacidade de investir em galpões logísticos e industriais, de forma a aproveitar a janela de oportunidade que o crescimento do mercado de e‐commerce tem proporcionado ao setor imobiliário;
  • Localização geográfica estratégica. A EZ INC diz que a cidade de São Paulo é a região mais adequada e promissora para desenvolvimento de torres corporativas de alto padrão. Isso porque tem uma alta concentração de escritórios corporativos. Assim, como consequência, tem maior demanda por locação premium.