Investimentos crescem 2,9% em um ano e emendam oitavo trimestre de alta

Edson Tibiriçá Palma
null

Crédito: Reprodução / Pixabay

Os investimentos continuam em alta e na comparação com o terceiro trimestre do ano passado houve um aumento de 2,9%, o que representa o oitavo trimestre consecutivo de alta.

Um dos grandes responsáveis é o mercado da construção civil, um dos maiores indicadores do PIB (Produto Interno Bruto).

Que, a partir do segundo semestre, obteve uma considerável recuperação, após um bom período de meses em queda.

E que agora, destaca-se como um dos principais responsáveis para o país continuar crescendo e se desenvolvendo.

Dados do PIB divulgados pelo IBGE confirmam tendência de crescimento e aquecimento da economia.

Segundo análises divulgadas nesta semana houve um crescimento de nossa economia de 0,6% no terceiro trimestre e 1,2% em um ano.

Com isso, os investimentos apresentam uma retomada cada vez mais crescente em relação ao mesmo período de 2018.

Um ótimo indicativo e sinal altamente positivo que os investimentos venham mantendo uma constante alta.

E que concomitantemente promove um aumento do consumo das famílias, principalmente pela queda de juros e liberação do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

O aumento da competitividade entre as empresas e o crescimento econômico só é possível através dos investimentos

A expansão da capacidade produtiva é outro fator preponderante e um dos principais indicadores do PIB.

E para aumentar a produção toda empresa precisa necessariamente investir.

É preciso investir, por exemplo, em inovação e tecnologia.

Na aquisição de novas máquinas e na melhoria da infraestrutura.

Sem falar, é claro, no investimento em capital humano e na qualificação da mão de obra.

São alguns dos fatores essenciais para o aumento da competitividade entre as empresas e consequentemente para o crescimento econômico, como um todo.

Com aprovação da reforma da Previdência e juros básicos em mínimas históricas, empresariado se mostra bastante confiante com o cenário e promove retomada dos investimentos

O cenário atual mostra que os empresários estão bastante confiantes e otimistas para retomar seus investimentos.

Principalmente pela aprovação recente da reforma da Previdência e a taxa básica de juros Selic (que controla a inflação) em mínimas históricas.

O que são pontos altamente favoráveis à continuidade do ciclo de cortes de juros, maior facilidade para empresas quitarem suas dívidas e planejarem sua expansão e contratação de novos colaboradores.

Afinal, o aumento de 2,9% nos investimos pelo oitavo trimestre consecutivo de alta nos indica um caminho propício para o reaquecimento e aquecimento da economia em todos os sentidos.

E a confiança do empresariado e o investimento das empresas no Brasil é fator preponderante para que o país continue crescendo e se desenvolvendo sem parar.

 


Aproveite as oportunidades e aumente a rentabilidade dos seus investimentos.

Preencha seus dados abaixo e conte com especialistas para ajudar.

Se preferir, ligue direto para 4007-2374