Inflação cai na zona do euro e no Reino Unido

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: Reprodução/Pexels

A inflação anualizada na zona do euro foi de 0,7% em março para 0,3% em abril, mês em que o continente europeu seguia com medidas de isolamento social para contenção da pandemia de coronavírus.

O dado foi divulgado nesta quarta-feira (20), pela Eurostat, escritório oficial de estatísticas da Comissão Europeia.

Em 2019, a inflação registrada em abril era de 1,7%. Na Europa, a meta da inflação é de 2%.

Perdeu a Money Week?
Todos os painéis estão disponíveis gratuitamente!

Na União Europeia, a inflação foi de 0,7% em abril de 2020, ante 1,2% em março. Em 2019, era de 1,9%.

Inflação na zona do euro por países

A inflação anual caiu em 26 Estados-Membros e permaneceu estável em um, a Bélgica.

Deflações foram registradas na Eslovênia (-1,3%), em Chipre (-1,2%) e na Estônia e na Grécia (ambas com -0,9%).

As taxas mais altas foram verificadas na República Tcheca (3,3%), na Polônia (2,9%) e na Hungria (2,5%).

A maior contribuição para a inflação veio do grupo alimentos, bebidas e tabaco (+0,67 pontos porcentuais), o que vem acontecendo em todos os locais onde a quarentena é decretada, pela maior procura por itens para consumo em casa.

inflação zona do euro

inflação zona do euro

Inflação no Reino Unido

No Reino Unido também foi divulgado o Índice de Preços ao Consumidor anualizado de abril, que ficou em 0,8%. Em março, a taxa foi de 1,5%. O mercado projetava 0,9%. A divulgação foi feita pelo escritório oficial de estatística do país (Office for National Statistics, ONS).

inflação reino unido