Índia já pode operar WhatsApp Pay e Brasil necessita ainda de regulamentação

Jéssica De Paula Alves
Jornalista e produtora de conteúdo

Crédito: Divulgação

O serviço WhatsApp Pay, plataforma que permite pagamentos onlines no aplicativo, já pode operar oficialmente na Índia. De acordo com o site Business Standard, a liberação foi concedida pela National Payments Corporation of India (NPCI), órgão que regulamenta este tipo de transação no país, na última quinta-feira (6).

Todavia, há restrições. O serviço será implantado de forma gradual na Índia, pois o aplicativo de mensagens ainda não se adequou totalmente às normas de localização de dados do país, informou o site. Assim, a ferramenta atenderá 10 milhões de pessoas, inicialmente.

Se cumprir às normas exigidas, poderá, posteriormente, funcionar de maneira completa e definitiva, atendendo a toda a base de usuários do mensageiro no país.

E no Brasil?

Mark Zuckerberg, proprietáriodo Whatsapp e Facebook, anunciou os planos da companhia de expandir o WhatsApp Pay para outros países, onde o aplicativo de mensagens é bastante popular, mencionando o Brasil, o México e a Indonésia, além de algumas nações europeias.

Mas para ser lançado em outros locais, o serviço também precisa ser regulamentado pelas autoridades de cada país em que for disponibilizado, assim como vem acontecendo na Índia.

A ferramenta permite enviar e receber dinheiro com os seus contatos por meio do aplicativo, com muita facilidade e rapidez, e também efetuar pagamentos para empresas que aderiram ao WhatsApp Business.