FII: IFIX avança 0,05% no dia; KFOF11 e KNCR11 puxam alta

Regiane Medeiros
Economista formada pela UFSC. Produz conteúdo na área de mercado de capitais, finanças pessoais e atualidades.
1

Crédito: Unsplash

Em um dia com poucas oscilações, o IFIX fechou a sessão desta quarta-feira, 23, em leve alta de 0,05%, aos 2.790,19 pontos.

Na mínima do dia o índice de FIIs bateu em 2.788,81 pontos. Já na máxima, alcançou os 2.795,52 pontos.

Para setembro, o IFIX acumula uma valorização de 0,29%. No ano, a queda é de 12,49%.

Participe do maior evento de investimentos da América Latina

A movimentação financeira para esta quarta foi de R$ 156,25 milhões.

Destaques do dia

Entre as maiores altas da carteira do IFIX para hoje estavam: Kinea Fundo de Fundos (KFOF11), Kinea Renda Imobiliária (KNCR11), Industrial do Brasil (FIIB11), Pátria Edifícios Corporativos (PATC11), BTG Pactual Fundo de Fundos (BCFF11).

Na contramão, os FIIs com as maiores quedas foram: Alianza Trust Renda Imobiliária (ALZR11), Rio Negro (RNGO11), Hotel Maxinvest (HTMX11), Rio Bravo Renda Corporativa (RCRB11), XP Crédito (XPCI11).

Veja o gráfico do dia

Fonte:B3

FII: Maiores Altas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
KFOF11R$ 111,991,81%
KNCR11R$ 89,501,68%
FIIB11R$ 509,111,62%
PATC11R$ 91,381,52%
BCFF11R$ 90,951,12%

FII: Maiores Baixas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
ALZR11R$ 128,41-2,68%
RNGO11R$ 70,50-2,08%
HTMX11R$ 116,00-1,82%
RCRB11R$ 172,51-1,36%
XPCI11R$ 88,50-1,21%

IFIX versus ações

Criado pela Bolsa brasileira, o IFIX tem por objetivo medir a performance de uma carteira.

Trata-se de uma composição de cotas de Fundos Imobiliários que são listados para negociação nos ambientes administrados pela bolsa. Entretanto, esse indicador costuma variar bem menos que o próprio Ibovespa.

Em comparação à bolsa, nesta quarta o conjunto de FIIs registrou valorização, em contraponto ao principal índice da bolsa, que recuou 1,60%.