FII: IFIX fecha a semana em queda de 0,46%; no dia, recua 0,21%

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Nesta sexta-feira (23) o IFIX fechou o pregão em queda 0,21%, aos 2828,23 pontos.

No desempenho semanal, o índice recuou 0,46% após três semanas seguidas de alta.

Simule seus investimentos com um especialista e confira as melhores opções de acordo com seu perfil

Em julho o IFIX registra valorização de 2,66%. Já no acumulado de 2021, cai 1,54%. A movimentação financeira para hoje foi de R$ 199,15 milhões.

Destaques do dia

As maiores altas do IFIX foram em: Valora RE III (VGIR11), Mérito Desenvolvimento Imobiliário (MFII11), Rio Bravo Renda Corporativa (RCRB11), Vinci Shopping Centers (VISC11), CSHG Real Estate (HGRE11).

Na contramão, as maiores quedas foram em: Grand Plaza Shopping (ABCP11), XP Malls (XPML11), Hotel Maxinvest (HTMX11), RBR Properties (RBRP11), Votorantim Logística (VTLT11).

Cases da Bolsa

Aprenda análise fundamentalista de ações na prática, com maiores cases já criados na B3

Veja o gráfico do dia

FII: Maiores Altas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
VGIR11R$ 92,511,66%
MFII11R$ 114,901,55%
RCRB11R$ 151,901,40%
VISC11R$ 111,631,27%
HGRE11R$ 143,901,16%

FII: Maiores Baixas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
ABCP11R$ 73,00-1,97%
XPML11R$ 101,98-1,94%
HTMX11R$ 111,88-1,86%
RBRP11R$ 82,52-1,70%
VTLT11R$ 104,70-1,63%

TRXF11: conheça o fundo que é o maior com ativos do setor supermercadista

Criado no fim de 2019, em pouco tempo o fundo imobiliário TRX Real Estate FII (TRXF11) consolidou-se como um dos maiores do país. Com 33 mil cotistas, o patrimônio soma R$ 1,477 bilhão em imóveis de 29 cidades brasileiras e 11 Estados.

Listado na B3 e integrante do Ifix (Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários), o TRXF11 é o maior fundo com ativos dentro do setor supermercadista.

Com foco em imóveis corporativos e galpões logísticos, o fundo tem chamado atenção nos últimos meses, principalmente por suas aquisições de grande porte. Recentemente firmou acordo para comprar e construir mais cinco lojas locadas à Rede Assaí (ASAI3) por R$ 364 milhões. Mas um dos maiores ativos do fundo é outro grande nome do varejo supermercadista: Grupo Pão de Açúcar (PCAR3).

O fundo é o principal FII da gestora TRX, que é focada em Fundos Imobiliários. Desde a fundação, em 2007, a empresa fundada por Luiz Augusto F. do Amaral e José Alves Neto já investiu mais de R$ 6,5 bilhões em ativos imobiliários, tendo comprado ou construído mais de 2 milhões de m² de área bruta locável, distribuída em mais de 100 imóveis.