FII: IFIX recua 0,48% no dia; índice é puxado por RCRB11 e OULG11

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Pixabay

Nesta terça (22) o IFIX seguiu em viés de queda e fechou a sessão negativo em 0,48%, aos 2797,57 pontos.

Na mínima do dia o índice bateu em 2797,27 pontos, enquanto a máxima foi de 2814,55 pontos.

No acumulado de junho o IFIX recua 0,67%, no ano cai 2,12%. A movimentação financeira para hoje foi de R$ 269,14 milhões.

Destaques do dia

As maiores altas do IFIX foram em: General Shopping Ativo e Renda (FIGS11), Santander Papéis Imobiliários (SADI11), Hotel Maxinvest (HTMX11), Vectis Juros Real (VCJR11), Kinea Fundo de Fundos (KFOF11).

Na contramão, as maiores quedas foram em: Rio Bravo Renda Corporativa (RCRB11), Ourinvest Logística (OULG11), Rio Bravo Renda Educacional (RBED11), Vinci Logística (VILG11), Bresco Logística (BRCO11).

Veja o gráfico do dia

FII: Maiores Altas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
FIGS11R$ 64,983,29%
SADI11R$ 86,442,16%
HTMX11R$ 103,201,18%
VCJR11R$ 98,380,57%
KFOF11R$ 90,990,55%

FII: Maiores Baixas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
RCRB11R$ 139,55-2,83%
OULG11R$ 70,64-2,59%
RBED11R$ 144,11-2,37%
VILG11R$ 112,50-2,17%
BRCO11R$ 105,23-2,11%

Confira as últimas notícias sobre FII

O BTG Pactual, na qualidade de administrador do FII Core Metropolis (CORM11), informou que o Fundo pagou a parcela final no montante de R$ 33 milhões referente a aquisição da integralidade das cotas do Flamengo Fundo de Investimento Imobiliário.

Com o pagamento da parcela final, o Fundo se tornou titular das cotas e, desta forma, passa a fazer jus aos rendimentos do Flamengo FII.

Considerando que os rendimentos estabilizados serão de aproximadamente R$ 470 mil por mês, a Gestora estima que os rendimentos relativos aos recibos de subscrição da 2ª chamada de capital serão de, aproximadamente, R$ 1,14 por cota ao mês.