FII: IFIX recua 0,23% pressionado por FLMA11 e TORD11

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Nesta segunda-feira (19), o IFIX fechou o pregão em queda de 0,23%, aos 2840,80 pontos.

A mínima do dia para o índice bateu em 2840,52 pontos, enquanto a máxima foi de 2849,26 pontos.

No acumulado para o mês de março o IFIX recua 0,21%, no ano cai 1,01%. A movimentação financeira para hoje foi de R$ 226,46 milhões.

Destaques do dia

As maiores altas do IFIX foram em: Green Towers (GTWR11), BB Progressivo (BBFI11B), Valora RE III (VGIR11), REC Recebíveis Imobiliários (RECR11), REC Renda imobiliária (RECT11).

Na contramão, as maiores quedas foram em: Square Faria Lima (FLMA11), Tordesilhas EI (TORD11), VBI Logístico (LVBI11), SP Downtown (SPTW11), CSHG Prime Offices (HGPO11).

Veja o gráfico do dia

FII: Maiores Altas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
GTWR11R$ 106,191,62%
BBFI11BR$ 2.451,001,37%
VGIR11R$ 93,430,89%
RECR11R$ 107,810,82%
RECT11R$ 84,520,80%

FII: Maiores Baixas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
FLMA11R$ 2,75-2,83%
TORD11R$ 10,89-2,51%
LVBI11R$ 106,98-2,03%
SPTW11R$ 62,30-1,89%
HGPO11R$ 220,11-1,74%

Confira as últimas notícias sobre FII

FII Tordesilhas EI (TORD11)

A Vórtx, na qualidade de administradora do FII Tordesilhas EI (TORD11), comunicou sobre a 5ª emissão de cotas do Fundo.

Com a nova emissão serão lançadas até 9.737.099 cotas, podendo tal montante ser reduzido em razão da distribuição parcial ou aumentado em razão da distribuição das cotas adicionais.

O preço de aquisição por cota da 5ª emissão foi definido em R$ 10,27, assim sendo, o FII pretende levantar o montante de até R$ 100 milhões.                 Segundo o comunicado, os recursos líquidos captados serão destinados à aquisição de ativos compatíveis com a política de investimentos do Fundo.

Os cotistas que tiverem interesse em exercer o direito de preferência deverão se manifestar no período entre os dias 28 de abril a 14 de maio, inclusive, na B3.

FII VBI CRI (CVBI11)

A BRL Trust, administradora do FII VBI CRI (CVBI11), lançou a 5ª emissão de cotas do Fundo que pretende captar o montante de R$ 330 milhões.

Na nova oferta serão emitidas, inicialmente, 3.300.000 novas cotas, sem considerar as novas cotas adicionais e observada a possibilidade de distribuição parcial.

O preço de aquisição por cota da 5ª emissão foi definido em R$ 100,00, observado que tal valor não inclui a taxa de distribuição primária.

Segundo a administradora do CVBI11, os recursos líquidos da Oferta serão destinados à aquisição dos ativos descritos no artigo 3º do Regulamento, a serem selecionados pelo gestor de forma discricionária, na medida em que surgirem oportunidades de investimento.

Vale destacar que a Oferta ainda não foi objeto de registro na CVM.

FII Hedge Top FOFII 3 (HFOF11)

A Hedge Investments, administradora do FII Hedge Top FOFII 3 (HFOF11), informou a abertura de nova emissão de cotas que pretende levantar até R$ 197,95 milhões.

Desse modo, a 10ª emissão será de até 2.053.000 cotas ao preço de R$ 98,59 cada (já considerando o custo unitário de distribuição).

Os cotistas que tiverem interesse em exercer o direito de preferência deverão se manifestar no período entre 26 de abril a 6 de maio, inclusive, na B3.

De acordo com a administradora, a Oferta Restrita é destinada exclusivamente aos cotistas do Fundo.