FII: IFIX avança 0,2% puxado por RCRB11 e VLOL11

Regiane Medeiros
Economista formada pela UFSC. Produz conteúdo na área de mercado de capitais, finanças pessoais e atualidades.
1

Crédito: Unsplash

Nesta quinta-feira (18) o IFIX abriu as negociações em forte viés de alta. Desse modo, às 11 h o índice de FIIs já subia 0,37%.

No entanto, ao longo do dia o índice não conseguiu sustentar os ganhos e fechou o pregão em alta de 0,2%, aos 2.794,67 pontos.

Na mínima do dia, o IFIX bateu nos 2.789,07 pontos e na máxima registrou 2.799,74 pontos.

Conheça planilha que irá te ajudar em análises para escolha do melhor Fundo Imobiliário em 2021

No mês, o índice acumula valorização de 5,15%. Já no ano a queda é de 12,54%.

As maiores altas da carteira de Fundos Imobiliários para hoje foram em: Rio Bravo Renda Corporativa (RCRB11), Vila Olímpia Corporate (VLOL11) e Capitânia Securities II (CPTS11B).

Já entre as quedas, as maiores foram nos seguintes fundos: BRAZIL REALTY (BZLI11), CSHG GR Louveira (GRLV11) e Hotel Maxinvest (HTMX11)

A movimentação financeira no dia foi de R$ 164,79 milhões.

Veja o gráfico do dia

Fonte:B3

FII: Maiores Altas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
RCRB11186,474,77%
VLOL11112,504,65%
CPTS11B99,384,28%
BCIA11196,002,62%
SHPH11845,992,42%

FII: Maiores Baixas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
BZLI1114,50-8,23%
GRLV11124,40-4,30%
HTMX11134,80-2,25%
BTCR1191,00-2,15%
FLRP111.452,02-1,69%

IFIX versus ações

Criado pela Bolsa brasileira, o IFIX tem por objetivo medir a performance de uma carteira.

Trata-se de uma composição de cotas de Fundos Imobiliários que são listados para negociação nos ambientes administrados pela bolsa. Entretanto, esse indicador costuma variar bem menos que o próprio Ibovespa.

Em comparação à bolsa, nesta terça-feira, o conjunto de fundos de investimentos imobiliários registrou uma valorização inferior ao principal índice da bolsa, que subiu 0,6%.