FII: IFIX cai 0,13% pressionado por BBPO11 e TORD11

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Nesta segunda-feira (11), o IFIX seguiu o pregão em viés de baixa, fechando a sessão em queda de 0,13%, aos 2863,8 pontos.

A mínima registrada para o índice no dia foi de 2861,8 pontos. Já a máxima atingiu os 2870,71 pontos.

Acesse esse material especial para avaliar resultados, performance e dividendos dos melhores FIIs no mercado.

Em janeiro o índice acumula queda de 0,22%. A movimentação financeira para hoje foi de R$ 269,37 milhões.

Destaques do dia

As maiores altas na carteira do IFIX foram registradas em: Industrial do Brasil (FIIB11), CSHG Prime Offices (HGPO11), Rio Negro (RNGO11), Capitânia REIT FOF (CPFF11), RBR Rendimentos High Grade (RBRR11).

Você sabia que algumas das maiores oportunidades de ganhos da bolsa estão nas Small Caps? Quer saber mais sobre essas ações e como investir? 

Por outro lado, as maiores quedas foram nos seguintes FIIs: BB Progressivo II (BBPO11), Tordesilhas EI (TORD11), Vinci Offices (VINO11), Tellus Properties (TEPP11), Capitânia Securities II (CPTS11B).

Quer começar o dia bem-informado com as notícias que vão impactar o seu bolso? Clique aqui e assine a newsletter EQI HOJE!

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, o que amplia o desafio de busca pelas melhores aplicações para multiplicá-lo.

Veja o gráfico do dia

Fonte:B3

FII: Maiores Altas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
FIIB11R$ 543,702,25%
HGPO11R$ 229,972,20%
RNGO11R$ 73,291,88%
CPFF11R$ 82,881,57%
RBRR11R$ 95,001,55%

FII: Maiores Baixas

Empresa (ticker)PreçoOscilação
BBPO11R$ 115,50-3,01%
TORD11R$ 11,79-2,06%
VINO11R$ 61,98-1,79%
TEPP11R$ 89,06-1,44%
CPTS11R$ 101,90-1,36%

Veja a movimentação de FII

O FII RBR Properties (RBRP11) comunicou ao mercado a abertura da 5ª emissão de cotas.

Desse modo, com a nova emissão serão lançadas o montante de, no mínimo 339.867 novas cotas, e, no máximo, 3.965.108 novas cotas.

O preço de aquisição por cota da 5ª emissão foi definido em R$ 88,27, assim sendo, o FII pretende levantar o montante de até R$ 350 milhões.

Segundo o comunicado, a oferta referente à 5ª emissão ainda não foi registrada na CVM.

FII: Confira os rendimentos divulgados

BRCR11: R$ 0,5 por cota em 15/01

RBRP11: R$ 0,55 por cota em 15/01

BTCR11: R$ 0,554263895 por cota em 15/01

BLMG11: R$ 0,725 por cota em 15/01

MAXR11: R$ 11,379252088 por cota em 15/01

JRDM11: R$ 0,16 por cota em 15/01

FEXC11: R$ 0,55228658 por cota em 15/01

DEVA11: R$ 2,51 por cota em 15/01

RELG11: R$ 0,6031 por cota em 15/01

RECT11: R$ 0,522953198 por cota em 15/01

CEOC11: R$ 0,522953198 por cota em 15/01

RBRL11: R$ 0,682 por cota em 15/01

BLMG11: R$ 0,725 por cota em 15/01

BRCR11: R$ 0,5 por cota em 15/01

DEVA11: R$ 0,55228658 por cota em 15/01

MGFF11: R$ 0,6 por cota em 19/01

HCTR11: R$ 2,47 por cota em 15/01

NCHB11: R$ 1,088435803 por cota em 15/01

TORD11: R$ 0,101421 por cota em 15/01

FAED11: R$ 1,323996493 por cota em 15/01

BCFF11: R$ 0,53 por cota em 15/01

THRA11: R$ 0,582166086 por cota em 15/01

RECT11: R$ 0,72 por cota em 15/01

RECR11: R$ 1,6691 por cota em 15/01

BMLC11: R$ 0,774 por cota em 15/01