Ibovespa vira e fecha em alta de 0,27% puxado por frigoríficos

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Arte / EQI

O Ibovespa reverteu a queda desta segunda-feira (27) e fechou o dia positivo em 0,27%, aos 113.583,01 pontos. As ações ligadas a frigoríficos figuram entre as maiores altas do dia.

O Focus desta segunda-feira (27) trouxe a 25ª projeção de alta consecutiva para o IPCA, indicador oficial de inflação.

Praticidade e precisão, saiba quais melhores investimentos e como melhorar rentabilidade de suas ações

Na visão do mercado captada pelo boletim, o indicador deve chegar a 8,45% até dezembro, ante 8,35% da semana anterior. Há quatro semanas, a expectativa era de 7,27%.

Já para 2022, houve a décima estimativa de alta consecutiva, com IPCA chegando a 4,12%. O PIB do ano que vem foi revisado para baixo: 1,57%.

Em indicadores do dia, o IPC-Fipe, que mede a inflação em São Paulo, subiu 1,16%, com desaceleração em relação à leitura anterior. Enquanto a Confiança da Construção, da FGV, se manteve praticamente estável em setembro, em 96,4 pontos, maior nível desde fevereiro de 2014.

A agenda da semana traz ata do Copom na terça, com mais explicações sobre a alta de 1% da Selic e provável aumento da mesma magnitude em outubro.

O Caged, com os dados sobre emprego com carteira assinada também sai na terça (28) e são complementados pela Pnad, na quinta (30), com a taxa de desemprego no país.

Na quarta (29), tem mais dados de inflação com IGP-M, indicador usado para o reajuste do aluguel. Na última semana, o IPCA-15, prévia da inflação de setembro, subiu 1,14%, chegando a 10,05% em 12 meses.

Na sexta-feira (24), após o fechamento do mercado, o Banco Central anunciou que realizará dois leilões extraordinários de swap cambial por semana, às segundas e quartas, valendo a partir de hoje.

A medida visa conter a volatilidade ligada ao desmonte do overhedge pelos bancos em dezembro, para atender novas regras tributárias – a proteção adicional dos bancos implica em uma maior compra de dólares para reduzir posições vendidas na moeda.

Confira a evolução do Ibovespa na semana, em cada fechamento de sessão:

  • segunda-feira (27): +0,27% (113583,01 pontos)
  • setembro: -4,38%
  • 2021: -4,40%

Destaques da bolsa

Das 91 ações negociadas na bolsa, 34 subiram, 1 ficou estável e outras 56 caíram em relação à sessão anterior.

Mais negociadas

EmpresaTickerPreçoOscilação
VALEVALE3R$ 78,80+ 1,43%
PETROBRASPETR4R$ 27,14+ 0,89%
ITAÚ UNIBANCOITUB4R$ 29,05+ 2,61%
BRADESCOBBDC4R$ 20,87+ 3,01%
GERDAUGGBR4R$ 26,72+ 0,38%

Maiores altas

EmpresaTickerPreçoOscilação
BRFBRFS3R$  24,567,33%
MARFRIGMRFG3R$  22,667,11%
PETRORIOPRIO3R$  21,995,73%
SANTANDERSANB11R$  35,153,87%
BRADESCOBBDC4R$  20,263,65%

 

Maiores baixas

EmpresaTickerPreçoOscilação
MÉLIUZCASH3R$    6,955,04%
VIA VAREJOVIIA3R$    8,504,47%
BANCO INTERBIDI11R$  61,084,22%
BANCO INTERBIDI4R$  20,324,03%
MAGAZINE LUIZAMGLU3R$  15,633,97%

Dólar

  • segunda-feira (20): +0,65% a R$ 5,3788
  • semana: +0,65%

Euro

  • segunda-feira (30): +0,50% a R$ 6,291
  • semana: +0,50%

Criptomoedas*

  • Bitcoin: +0,15% a R$ 230.942,49
  • Ethereum: -1,77% a R$ 16.056,00
  • Tether: +1,85% a R$ 5,38
  • Cardano: -2,19% a R$ 11,77
  • Binance: -1,73% a R$ 1.830,91

*(variação nas últimas 24h – corte: 17h)

Mercados do exterior

A segunda-feira (27) segue volátil, como foi a última semana, com caso Evergrande ligando o botão de alerta de risco sistêmico, e Fed anunciando manutenção dos juros, mas com retirada de estímulos em breve.

A presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, afirmou no final de semana que espera que o projeto de infraestrutura bipartidário de US$ 1 trilhão seja aprovado ao longo dos próximos dias. O Congresso também precisa aprovar um novo orçamento até o final da semana, sendo preciso aumentar ou suspender o teto da dívida americana.

O bitcoin se recuperou, depois de o governo chinês declarar na sexta (24) que todas as transações com moeda digital são ilegais. O minério de ferro também tem alta em Dalian, na China.

Money Week 5ª Edição

5 Dias de Evento | 70 Autoridades do Mercado Financeiro | 20 Horas de Conteúdo

Bolsas mundiais

Nova York

  • Dow Jones: +0,21%
  • S&P 500: -0,28%
  • Nasdaq: -0,52%

Europa

  • Euro Stoxx 50 (Europa): +0,17%
  • DAX (Alemanha): +0,27%
  • FTSE 100 (Reino Unido): +0,17%
  • CAC (França): +0,19%
  • IBEX 35 (Espanha): +1,46%

Ásia e Oceania

  • Shanghai (China): -0,84%
  • Hang Seng HSI (Hong Kong): +0,07%
  • SET (Tailândia): -0,68%
  • Nikkei (Japão): -0,03%
  • ASX 200 (Austrália): +0,54%
  • Kospi (Coreia do Sul): +0,27%

Commodities

Petróleo

  • Brent (novembro 2021): US$ 78,61 (+1,79%)
  • WTI (novembro 2021): US$ 75,44 (+1,97%)

Ouro

  • Ouro futuro (dezembro 2021): US$ 1.750,45 (-0,07%)