Ibovespa sobe; Cogna (COGN3) e TIM (TIMP3) puxam alta

Joana Kurtz
null
1

Crédito: Reprodução / Pixabay

A bolsa de valores brasileira acompanha a melhora do humor nos mercados externos, em dia marcado por um novo avanço nos preços das commodities.

Assim, o Ibovespa ensaia novo pregão de recuperação, após as perdas recentes causadas pelo temor dos efeitos sobre a economia do surto de coronavírus.

Por volta das 10h10, o Ibovespa avançava 0,61%, aos 116.070 pontos.

Cogna Educação operava entre as maiores altas do Ibovespa, com +2,96%, por volta das 10h10.

A oferta pública de distribuição primária de ações da empresa foi precificada a R$ 11. Assim, o efetivo aumento do capital social totalizou R$ 2,555 bilhões. A empresa pretende utilizar os recursos em aquisições no segmento de ensino superior.

Tim era outro destaque de alta, com +2,56%, por volta das 10h10. A operadora de telefonia obteve um lucro líquido de R$ 756 milhões no quarto trimestre de 2019, um crescimento de 28,7% sobre igual período do ano anterior.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (EBITDA, na sigla em inglês) cresceu 8,1% para R$ 1,9 bilhão.

A concorrente Claro também divulgou balanço. O Ebitda (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) chegou a R$ 13,969 bilhões em 2019, aumento de 10,8% em relação ao ano anterior.

Commodities

O preço do minério de ferro avançou 3,2%, depois de o governo chinês dizer que cumprirá a meta para o PIB do ano, fazendo a ação da Vale apresentar alta de 2,09%.

O avanço da Vale ocorre a despeito da notícia de que a empresa elevou para o nível 2 o Plano de Ação de Emergência de Barragens de Mineração (PAEBM) para a barragem Capitão do Mato, na mina que possui o mesmo nome, localizada em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte, município a 18 km da capital mineira.

Por volta das 10h20, os preços do petróleo subiam 2,56%, a US$ 55,39 (Brent) e 2,18%, a US$ 51,03 (WTI).

Com isso, as ações da Petrobras avançavam 0,56% (ON) e 0,75% (PN).

O surto de coronavírus na China levou a Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) a revisar para baixo a sua estimativa de crescimento global da demanda por petróleo para 0,99 milhão de barris por dia (bpd) em 2020.


Aproveite as oportunidades e aumente a rentabilidade dos seus investimentos.

Preencha seus dados abaixo e conte com especialistas para ajudar.

Se preferir, ligue direto para 4007-2374