Ibovespa opera em forte alta, com mercados de NY fechados por feriado

Victória Anhesini
Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie
1

Crédito: Divulgação/B3

O Ibovespa opera em alta de 1,68%, aos 106.268 pontos, perto das 13h13, nesta quinta-feira (25).

O Ibovespa opera em forte alta, numa sessão que deve ter menor volume do que o usual. Isso ocorre por conta dos índices acionários dos Estados Unidos fechados por conta de feriado. No cenário doméstico, os resultados de índicadores de inflação e fronte fiscal seguem no radar. Além disso, a bolsa era empurrada para cima com a ajuda dos papéis de petroleiras no início da manhã.

Praticidade e precisão, saiba quais melhores investimentos e como melhorar rentabilidade de suas ações

O que mexe no Ibovespa

Com menor liquidez devido ao feriado nos EUA, os destaques no país são os indicadores, sendo o principal o IPCA-15, prévia da inflação, que subiu 1,17% em novembro, a maior variação para este mês desde 2002. No ano, o indicador acumula alta de 9,57% e, em 12 meses, de 10,73%. A projeção era de alta inferior, de 1,14%. 

Índice de Confiança da Construção (ICST), da FGV, caiu 0,8 ponto em novembro, para 95,3 pontos. Esta é a segunda queda consecutiva

Já o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC-M) variou 0,71% em novembro, ante 0,80%, no mês anterior. Com este resultado, o índice acumula alta de 13,68% no ano e de 14,69% em 12 meses.

A Petrobras (PETR3 PETR4) comenta seu Plano Estratégico pela manhã e a Câmara vota a medida provisória do Auxílio Brasil – a votação da PEC dos Precatórios no Senado, diretamente relacionada ao pagamento do benefício social, ficou para a semana que vem. 

Exterior

As bolsas dos EUA ficam fechadas nesta quinta-feira (25), por conta do feriado de Ação de Graças. Amanhã (26), funcionam em horário reduzido, quando acontece a Black Friday. 

Por lá, dados econômicos revelaram uma recuperação econômica sólida, com PIB crescendo acima do projetado (2,1%) e pedidos de seguro-desemprego caindo ao menor nível desde 1969 (199 mil). Também a renda pessoal subiu 0,5%, quando o mercado esperava 0,2%. 

Assim, aumentam as apostas de que o Fed deve acelerar a retirada de estímulos e começar no segundo semestre de 2022 uma subida de juros. Em ata, o Fed admitiu que não é só o mercado que enxerga isso, mas boa parte de seus membros também. 

Probabilidade de alta de juro em 2022 nos EUA. 

juros EUA

Reprodução/BTG/Bloomberg/Fed New York.

Ibovespa: ações

As ações do CVC Brasil (CVCB3) lideram as altas no Ibovespa nesta quinta. Por volta das 13h13, os papéis da empresa subiam 8,14%.

O Gol (GOLL4) é a segunda entre as maiores altas. Esta opera com variação positiva de 7,70%.

Logo após aparece Banco Inter (BIDI4), que registra variação positiva de 5,88%.

Em seguida, surge Banco Inter (BIDI11) que cresce 5,22%.

Por fim, vem Banco Pan (BPAN4), que opera com elevação de 5,28%.

Dólar

O dólar tem queda de 0,88%, a R$ 5,5568, por volta das 13h13.

A moeda recuava frente ao real, com mercados de Nova York fechados por conta do feriado nos Estados Unidos. O mercado reflete os dados domésticos de inflação mais fortes do que o esperado. O IBGE informou nesta manhã que o IPCA-15, considerado a prévia da inflação oficial, subiu 1,17% em novembro, sobre alta de 1,20% no mês anterior.

*Com Agência Reuters e Agência Estado