Ibovespa opera em queda com cenário doméstico desfavorável

Victória Anhesini
Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie
1

Crédito: Reprodução/Pixabay

O Ibovespa opera em queda de 0,05%, aos 125.866 pontos, perto das 13h19, nesta quinta-feira (22).

O Ibovespa não segurou a alta do início da manhã. Com mercados de NY mostrando certa hesitação, após duas sessões recuperação, investidores focam nos números positivos da temporada de balanços, mas também nas preocupações com os potenciais efeitos da variante Delta da Covid-19.

O que mais mexe no Ibovespa

Com agenda esvaziada, Brasília segue sendo o foco do mercado. O presidente Jair Bolsonaro anunciou uma minirreforma ministerial para os próximos dias, aumentando ainda mais a participação do Centrão no governo – o que, por sua vez, acende o alerta quanto à austeridade nos gastos públicos.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, perde poderes, com a recriação do Ministério do Trabalho, que vai para Onyx Lorenzoni (atual da Secretaria Geral da Presidência) após uma dança das cadeiras para acomodar o senador Ciro Nogueira (PP-PI) na Casa Civil (atualmente do general Luiz Eduardo Ramos). Ramos fica com a vaga atual de Lorenzoni.

Você sabia que algumas das maiores oportunidades de ganhos da bolsa estão nas Small Caps? Quer saber mais sobre essas ações e como investir? 

Bolsonaro segue tendo a questão do veto ao fundo eleitoral a resolver. Se vetar, como promete, a Lei de Diretrizes Orçamentárias, hoje com quase R$ 6 bilhões de fundo partidário, ele compra briga com o Centrão – o que explica a movimentação atual nos ministérios.

Quer começar o dia bem-informado com as notícias que vão impactar o seu bolso? Clique aqui e assine a newsletter EQI HOJE!

Ontem, Guedes voltou a confirmar a taxação de dividendos em 20% na reforma tributária.

E se barulho pouco é bobagem, o Estadão revela em sua edição de hoje que o presidente da Câmara, Arthur Lira (Progressistas-AL), recebeu um duro recado do ministro da Defesa, Walter Braga Netto: que não haveria eleições em 2022 se não houvesse voto impresso e auditável.

Ao dar o aviso, o ministro estava acompanhado de chefes militares do Exército, da Marinha e da Aeronáutica.

Lira, então, teria dito que iria com Bolsonaro “até o fim”, mas que isso não incluiria uma tentativa de golpe à democracia. Nesse contexto, esclarece a reportagem, foi que surgiu o tema do semipresidencialismo, defendido pelo presidente da Câmara, a fim de limitar os poderes presidenciais.

Em resposta, o ministro da Defesa emitiu nota oficial, em que afirma que a reportagem “trata-se de mais uma desinformação que gera instabilidade entre os Poderes da República, em um momento que exige a união nacional”. “O Ministério da Defesa reitera que as Forças Armadas atuam e sempre atuarão dentro dos limites previstos na Constituição. A Marinha do Brasil, o Exército Brasileiro e a Força Aérea Brasileira são instituições nacionais, regulares e permanentes, comprometidas com a sociedade, com a estabilidade institucional do País e com a manutenção da democracia e da liberdade do povo brasileiro”, afirma.

Braga Netto reitera ainda que a discussão sobre o voto eletrônico auditável, por meio de comprovante impresso, é legítima e defendida pelo governo federal, mas que cabe ao parlamento decidir sobre o tema.

Hoje tem ainda IPO Multilaser e relatório de produção do segundo trimestre da Petrobras.

Exterior

Os mercados globais operam em alta nesta quinta-feira (22), com os investidores acompanhando os bons resultados corporativos, sem perder de vista o avanço da variante delta do coronavírus, que ameaça a retomada econômica, mas sobre a qual os especialistas garantem que as vacinas atuam efetivamente.

Ainda no radar do investidor seguem as discussões quanto ao pacote de infraestrutura de Joe Biden, que pode ser colocado em votação ainda esta semana.

Hoje o Banco Central Europeu decidiu manter sua política monetária, com juros entre -0,5% (taxa de depósitos) e 0% (refinanciamento), e volume de compras de ativos em 1,85 trilhão de euros. Segundo o BCE, os juros seguirão nos níveis atuais até que inflação atinja 2%.

Em indicadores, destaque para os novos pedidos de seguro-desemprego, que vieram em 419 mil, pior do que a projeção de 350 mil do mercado. E acima dos 368 mil da semana passada (revisados de 360 mil).

Na temporada de balanços estrangeira, hoje devem sair os resultados do segundo trimestre de Roche, Dow, Abbott, AT&T, Unilever, Union Pacific, Intel, Twitter, American Airlines e Southwest.

O minério de ferro tem queda forte de mais de 5%, com a China controlando a produção de aço no país, a fim de manter o mesmo nível de 2020.

Ibovespa: ações

As ações da Locaweb (LWSA3) são destaque na sessão de hoje do Ibovespa. Por volta das 13h19, os papéis da companhia de tecnologia são vendidos com elevação de 4,28%.

A segunda ação mais vendida é da Marfrig (MRFG3). As ações são negociadas com alta de 3,03%.

Em seguida, surge a Cosan (CSAN3), cujos papéis têm valorização de 2,12%.

A Equatorial (EQTL3) tem alta nos papéis da companhia e atinge 2,08%. A companhia de energia apresentou os dados relacionados ao fechamento do segundo trimestre de 2021 (2T21), com aumento da energia total distribuída em 10,7%, com relação ao mesmo período de 2020. No semestre, o aumento foi de 7,3%, com relação ao primeiro semestre do ano passado.

Por fim, a Totvs (TOTS3) têm elevação de 1,83%.

Dólar

O dólar tem alta de 0,19%, a R$ 5,1972, por volta das 13h25.

A moeda sobe após oscilar no início da manhã. No exterior, os investidores acompanham a temporada de balanços e notícias da variante Delta do Covid-19. O BCE admitiu a possibilidade de inflação mais alta que o esperado. Em meio ao cenário de cautela no exterior, o dólar passou a se valorizar ante o real. Ainda mais, no cenário doméstico, as mudanças ministeriais do presidente Jair Bolsonaro geram cautela.

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.