Ibovespa fecha em queda e registra menor nível de fechamento desde outubro

Colaborador do Torcedores

A Ibovespa registrou na sessão desta terça-feira, 19, uma queda de 0,38%, a 105.864,18 pontos. No melhor momento da sessão, aproximou-se dos 107 mil pontos, mas perdeu fôlego no final. Ao todo, a movimentação financeira foi de R$14 bilhões.

Esse é o menor nível de fechamento registrado desde o dia 18 de outubro, ocasião em que terminou a sessão a 104.728,89 pontos (mínima a 105.366,68 pontos).

No mês de novembro, a principal índice da B3 acumula queda de 1,26% e mantém o ganho de 20,45% no ano.

Os destaques da sessão ficaram por conta das cotações de Petróleo, registrando perdas entre 2% e 3%. Desse modo, a Petrobrás PN teve queda de 1,03%, em razão da diminuição do petróleo em todo o mundo, e a PETROBRÁS ON teve recuo de 1,42%.

Embora a petrolífera tenha aumentado o preço dos combustíveis, a falta de interesse dos investidores estrangeiros em relação à compra de ações atrapalha os ganhos adicionais nos preços dos ativos.

Entre os acionistas de banco, o Itaú Unibanco teve o pior desempenho, caindo 1,1%. O Bradesco cedeu 0,18%, enquanto o Banco do Brasil teve perda de 0,46% e o Santander Brasil Unit teve recuo de 0,83%.