Ibovespa fecha em baixa 1,17%, aos 106.334 pontos

Felipe Moreira
Editor na EuQueroInvestir, cobre temas que vão desde o mercado de ações ao ambiente econômico nacional e internacional.
1

Crédito: Arte / EQI

O Ibovespa fechou o pregão desta sexta-feira (12) em alta de 1,17%, aos 106.334,54 pontos. O volume de negócios do dia foi de R$ 31,7 bilhões.

Destaque nesta sexta-feira (12) para o setor de serviços, que recuou 0,6% na passagem de agosto para setembro e interrompeu uma sequência de cinco meses de altas. A projeção era de alta de 0,5%.

Ainda assim, o setor segue 3,7% acima do patamar pré-pandemia, registrado em fevereiro do ano passado, mas está 8% abaixo do recorde alcançado em novembro de 2014.

Na comparação com setembro de 2020, o ganho é de 11,4%. Em 12 meses, é de 6,8%.

Ontem (11), o volume de vendas no varejo também ficou aquém das projeções, com recuo de 1,3% em setembro. A expectativa era por queda de 0,6%. Na comparação com o mesmo período de 2020, a queda é de 5,5%.

Já na quarta, vale retomar, o susto foi com o IPCA, inflação oficial, que subiu 1,25% em outubro, também acima das expectativas. O indicador acumula 8,24% no ano e 10,67% nos últimos 12 meses.

Ou seja, a inflação segue em alta, mas está havendo uma retração no consumo. O mercado acompanha e junta todos estes dados para projetar para quanto deve ir a Selic na reunião de 7 e 8 de dezembro do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central. As apostas até aqui variam de 1,5 ponto porcentual, como previu o comitê em sua última ata, e 2 pontos. Atualmente, a Selic está em 7,75%.

No campo político, que vem mexendo bastante com os ativos, a PEC dos Precatórios deve ser apreciada em breve pelo Senado. Segundo o ministro da Economia, Paulo Guedes, a PEC não é calote: “Estou lutando pelo teto de gastos”, disse em evento ontem.

Confira a evolução do Ibovespa na semana, em cada fechamento de sessão:

  • segunda-feira (08): -0,04% (104.781 pontos)
  • terça-feira (09): +0,72% (105.535 pontos)
  • quarta-feira (10): +0,41% (105.967 pontos)
  • quinta-feira (11): +1,54% (107.594 pontos)
  • sexta-feira (12): 1,17% (106.334,54 pontos)
  • semana: +1,44%
  • 2021: -8,28%

Confira a cobertura completa dos balanços no Radar Corporativo.

Destaques da bolsa

Das 91 ações que compõe o Ibovespa, 23 tiveram altas, uma ficou estável e 67 caíram.

Mais negociadas

EmpresaTickerPreçoOscilação
NATURANTCO3R$ 33,30-16,79%
PETROBRASPETR4R$ 26,96+1,93%
VIAVIIA3R$ 6,25+1,30%
LOJAS AMERICANASLAME4R$ 6,60+5,77%
MAGAZINE LUIZAMGLU3R$ 11,23-17,73%

Maiores altas

EmpresaTickerPreçoOscilação
LOJAS AMERICANAS LAME4R$ 6,60+5,77%
 AMERICANAS AMER3R$ 37,29+5,57%
 BR MALLS BRML3R$ 8,48+3,02%
 CARREFOUR CRFB3R$ 17,26+2,79%
 ENERGISA ENGI11R$ 43,47+1,38%

Maiores baixas

EmpresaTickerPreçoOscilação
MAGAZINE LUIZA MGLU3R$ 11,23-17,73%
 NATURA NTCO3R$ 33,30-16,79%
 LOCAWEB LWSA3R$ 19,07-8,76%
 CVC CVCB3R$ 16,63-9,13%
 MELIUZ CASH3R$ 3,85-9,84%

Dólar

  • segunda-feira (08): +0,33% a R$ 5,54
  • terça-feira (09: -0,83% a R$ 5,494
  • quarta-feira (10): +0,10% a R$ 5,50
  • quinta-feira (11): -1,74% a R$ 5,404
  • sexta-feira (12): +0,98% a R$ 5,456
  • semana: -1,16%

Euro

  • segunda-feira (08): +0,55% a R$ 6,42
  • terça-feira (09): -0,81% a R$ 6,370
  • quarta-feira (10): -0,86% a R$ 6,315
  • quinta-feira (11): -2,06% a R$ 6,185
  • sexta-feira (12): +0,95% a R$ 6,244
  • semana: -2,23%

Criptomoedas*

  • Bitcoin: -1,34% a R$ 352.476,68
  • Ethereum: -1,67% a R$25.661,49
  • Tether: +0,56% a R$ 5,55
  • Cardano: -1,31% a R$ 11,31
  • Binance: -0,83% a R$ 3.442,98

*(variação nas últimas 24h – corte: 18h)

Exterior

As preocupações por lá são com a inflação, que veio acima do esperado e acende o alerta de que o Fed pode aumentar juros antes do previsto – vale lembrar que, para o final do mês, está previsto o início do tapering, com US$ 15 bilhões a menos injetados na economia mensalmente.

Em indicadores, o relatório de empregos Jolts, dos EUA, apontou estabilidade em setembro, com 10,4 milhões ofertas de vagas. E o sentimento do consumidor, da Universidade de Michigan, registra queda a 66,8 pontos (a expectativa era 72,5) em novembro.

Na zona do euro, a produção industrial recuou 0,2% em setembro, resultado melhor do que a expectativa de queda de 0,7%. Na comparação anual, houve crescimento de 5,2%.

Mercados de Nova York

  • Dow Jones: +0,53%
  • S&P: +0,73%
  • Nasdaq: +0,99%

Mercados Europa

  • DAX, Alemanha: +0,07%
  • FTSE, Reino Unido: -0,49%
  • CAC, França: +0,45%
  • FTSE MIB, Itália: +0,36%
  • Stoxx 600: +1,40%

Mercados Ásia

  • Nikkei, Japão: +1,13%
  • Xangai, China: +0,18%
  • HSI, Hong Kong: +0,32%
  • ASX 200, Austrália: +0,83%
  • Kospi, Coreia: +1,50%

Petróleo

  • Brent (dezembro 2021): US$ 82,08 (-0,95%)
  • WTI (novembro 2021): US$ 80,81 (-0,96%)

Ouro

  • Ouro futuro (dezembro 2021): US$ 1.866,60 (+0,14%)

Minério de ferro

  • Bolsa de Dalian: US$ 85,65 (-1,62%)