Grendene (GRND3) lucra R$ 215 milhões no 4TRI/19

Omar Salles
null

O lucro líquido recorrente da Grendene (GRND3), fabricante gaúcha de calçados, recuou 14,4% para R$ 215,2 milhões no quarto trimestre de 2019, em comparação a igual período de 2018, informou hoje a empresa em balanço. No ano fechado de 2019, o lucro líquido da empresa foi de R$ 483,8 milhões, queda de 17,4% sobre 2018.

A empresa foi afetada por um declínio no volume de vendas tanto no mercado brasileiro como no exterior. No Brasil, a Grendene vendeu no ano passado 120 milhões de pares, um recuo de 9,4% sobre 2018. Já no exterior a queda foi maior, de 23,8% para 30,9 milhões de pares. A principal razão da queda é a recessão na Argentina, um dos maiores mercados externos para a Grendene, embora a empresa esteja expandindo as operações nos Estados Unidos.

A receita líquida da Grendene foi de 665,7 milhões no quarto trimestre de 2019, em queda de 10,3% sobre igual período de 2018. No ano inteiro de 2019, a receita líquida foi de R$ 2,07 bilhões, um recuo de 11,25 sobre o ano anterior.

O lucro antes de impostos, juros, depreciação e amortização (EBITDA, na sigla em inglês) recorrente foi de R$ 183,1 milhões no quarto trimestre, em queda de 5,9% sobre igual trimestre de 2018. No fechamento de 2019, o EBITDA caiu 21% para R$ 413 milhões.

Embora a Grendene tenha enfrentado um declínio no volume de vendas no ano passado, a empresa permanece bastante sólida do ponto de vista financeiro, com um caixa líquido de R$ 2 bilhões no final de 2019 – 9,7% a mais que no fim de 2018.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil


Aproveite as oportunidades e aumente a rentabilidade dos seus investimentos.

Preencha seus dados abaixo e conte com especialistas para ajudar.

Se preferir, ligue direto para 4007-2374