Governo pretende marcar o megaleilão do pré-sal para junho do ano que vem

Késia Rodrigues
Colaboradora Independente do Portal EuQueroInvestir e leitora assídua de conteúdos sobre economia e política. Apaixonada por tecnologia, investimentos e viagens.

Crédito: Agência Petrobras

Crédito da imagem: Agência Petrobras

Em uma reunião marcada para o próximo dia 17, o Conselho Nacional de Política Estratégica (CNPE), órgão colegiado formado por diversos ministros e liderado pelo Ministério de Minas e Energia, pode definir a data do megaleilão de petróleo. A expectativa é que o evento ocorra em meados do mês de junho do ano que vem.

Na próxima quarta-feira, o TCU (Tribunal de Contas da União) também deve fazer a divulgação de uma análise feita em relação ao chamado contrato de concessão onerosa. Trata-se de um acordo feito entre a Petrobras e a União lá no ano de 2010. Nos termos do acordo, a estatal tem autorização para explorar o petróleo nos campos de pré-sal, localizados na Bacia de Santos. O que se espera é que o Tribunal conceda um sinal verde para a assinatura de um aditivo nesse contrato.

[box type=”note” align=”” class=”” width=””]Vale lembrar que a definição de uma data é o primeiro passo para a realização do leilão. Além disso, tal atitude também funciona como um tipo de data-limite par que a Petrobras e a União cheguem a um consenso acerca dos termos da revisão do contrato de concessão onerosa. Após mais de dois anos de negociação entre as partes, o que se espera é uma agilidade nas negociações, mesmo antes da aprovação do projeto de lei que tramita no Senado (que tem como função destravar a negociação de revisão do acordo). Hoje, o governo não conta mais com a aprovação do texto dessa lei.[/box]

Antes de terminar a notícia…

Aproveite a oportunidade e faça o nosso teste de perfil aqui mesmo no site.

[banner id=”teste-perfil”]

Crédito da imagem: Agência Petrobras

Por meio do acordo de concessão onerosa, a estatal pode explorar aproximadamente cinco bilhões de barris de petróleo, isso sem nenhum tipo de licitação. Em contrapartida, a empresa fez pagamentos no montante de R$ 74,8 bilhões à União. A grande questão é que, ao longo do período de exploração, percebeu-se que a área concedida possui uma capacidade superior a cinco bilhões de barris. Dessa forma, o que o governo deseja é licitar o petróleo excedente. Autoridades estimam que a realização de um leilão dos excedentes da cessão onerosa pode arrecadar aproximadamente R$ 100 bilhões para os cofres do governo, isso em bônus de assinatura. Além disso, podem gerar uma arrecadação futura para a União, pois a licitação deve ocorrer no modelo de partilha de produção (nesse caso, a União é a dona de parte do petróleo).

O governo já demonstra preocupação em aprovar a realização do leilão ainda em 2018, isso para evitar a rediscussão de todos os detalhes que envolvem o tema no próximo ano. A possibilidade de revisão do contrato e o leilão da cota excedente caminham lado a lado e, caso o pré-acordo firmado entre as partes não seja fechado ainda neste ano, existe o risco de que todas as discussões que envolvem o assunto e todo o trabalho sejam perdidos.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

Se considera um investidor conservador? Então você está em risco de extinção!

O cenário econômico virou do avesso e o país já não é mais o mesmo.

As taxas de juros caíram à níveis jamais vistos no Brasil desde o final do governo Militar (imagem abaixo) e levaram os rendimentos de Renda Fixa para próximo de Zero (ou negativos no caso da poupança).

Italian Trulli

A nova equipe econômica está incentivando novos investimentos no país, e com isso já não é mais possível ganhar dinheiro confortavelmente na poupança e em CDBs comuns. Por isso, estamos declarando a Extinção do Investidor Conservador.

Se você faz parte dessa espécie de investidor que está em risco de extinção, confirme seus dados no formulário abaixo e fale com nossa equipe. Vamos te ajudar, sem dor e sem custo.