Produção agropecuária atinge R$ 697 bi, maior valor em 31 anos

Paulo Amaral
Jornalismo é meu sobrenome: 20 anos de estrada, com passagens por grandes veículos da mídia nacional: Portal R7, UOL Carros, HuffPost Brasil, Gazeta Esportiva.com, Agora São Paulo, PSN.com e Editora Escala, entre outros.
1

Crédito: Twitter

O Ministério da Agricultura está projetando o melhor resultado da série histórica para a agropecuária brasileira em 2020.

Segundo dados do portal oficial do governo, o VBP (Valor Bruto da Produção) deste ano deve superar o de 2019 em 8,6% e atingir R$ 697 bilhões.

A Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento informou que esses são os maiores valores obtidos em 31 anos.

De acordo com o órgão, o valor das lavouras cresceu 10,4% e gerou R$ 462 bilhões. Já a pecuária avançou 5,4%, para R$ 234,9 bilhões.

Conheça os benefícios de se ter um assessor de investimentos

“As condições climáticas favoráveis na maior parte das áreas produtoras e os preços agrícolas foram decisivos para esses resultados”, explicou José Garcia Gasques, coordenador geral de Avaliação de Políticas da Informação.

De acordo com Gasques, a pecuária também vem apresentando um desempenho surpreendente neste ano. “O mercado internacional tem sido o principal responsável por esse resultado”, adiantou.

O governo informou que os valores da produção de carne bovina e suína cresceram 13,2% e 10,2%, respectivamente. A produção de ovos, por sua vez, cresceu 11,6%, colocando o setor numa posição melhor do que a do ano passado.

Condições favoráveis

As declarações de Gasques corroboram a posição do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos. Segundo o USDA, o Brasil está com condições favoráveis em carnes e grãos.

O relatório divulgado nesta quarta mostrou que as exportações de soja, milho, carnes de frango e de suíno estão em níveis superiores aos dos últimos cinco anos.

Segundo o USDA, o Brasil deve suprir 51,4% da demanda mundial de soja e 33% da carne de frango.

Os quatro produtos que apresentaram baixa no Valor Bruto da Produção foram, pela ordem, algodão em caroço, banana, batata inglesa e uva.

Baixe a planilha e faça você mesmo o rebalanceamento da sua carteira de investimentos

VBP por região

O Valor Bruto da Produção por região tem na liderança o Centro-Oeste do País, com R$ 218,7 bilhões, sendo R$ 161,6 milhões na lavoura e R$ 57,1 milhões na pecuária).

Em seguida vem a Sudeste, com R$ 172,3 bilhões (R$ 112,9 milhões na lavoura e R$ 59,2 milhões na pecuária), a Sul, com R$ 168,4 bilhões (R$ 96,4 bi na lavoura e R$ 72 bi na pecuária), a Nordeste, com R$ 66,4 bilhões (R$ 51,05 bi na lavoura e R$ 34 bi na pecuária) e a região Norte, com R$ 44,22 bilhões (R$ 21,3 bi na lavoura e R$ 22,8 bi na pecuária).

Simule e projete seus ganhos: utilize nossa calculadora de investimentos