Fundos de investimentos registram saída de R$ 91,1 bilhões em abril

Fernando Augusto Lopes
Redator e editor
1

Crédito: rawpixel.com / Freepik

A Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) informa que, em abril, a indústria de fundos de investimentos registrou saída de R$ 91,1 bilhões, maior resgate mensal desde 2002. No acumulado do ano, já saíram R$ 69,6 bilhões.

O resultado de abril é uma continuação da retirada de março. No terceiro mês do ano, a saída foi de R$ 24,2 bilhões, enquanto em fevereiro e janeiro, hove aporte de R$ 30,0 bilhões e R$ 15,7 bilhões, respectivamente. O resultado de fevereiro era o melhor desde setembro de 2019.

Classes de fundos

O balanço da Anbima mostra que das classes de fundos, a renda fixa apresentou o pior resultado, no mês e no ano. Foram resgatados 58,6 bilhões em abril e R$ 120,8 bilhões no ano, resultado das baixas históricas da SELIC, entre outros fatores.

Multimercados perdeu R$ 13,4 bilhões em abril, mas no ano ainda tem saldo positivo de R$ 9 bilhões de aportes. “O único tipo dessa classe que encerrou o mês no campo positivo foi o investimento no exterior, com entrada líquida de R$ 2,2 bilhões; no ano esse tipo acumula captação de R$ 11,4 bilhões”, diz nota da Anbima.

Os Fundos de Investimentos em Direitos Creditórios (FIDC) também tiveram um mês de abril de baixa, com saída de R$ 13,4 bilhões. No acumulado do ano, são R$ 13 bilhões de saídas.

Ações ainda são a classe que mais acumulou aportes em 2020, com R$ 44,3 bilhões, mesmo com R$ 637,9 milhões sendo retirados em abril, no primeiro resultado negativo do ano.

“O tipo ações livre, de maior PL dentro da classe, encerrou o mês com captação de R$ 295,2 milhões e apresenta no ano a maior captação da classe, R$ 26,3 bilhões”, mostra o balanço.

Rentabilidade

“Em relação às rentabilidades”, segue a associação, “quase todos os tipos das principais classes (renda fixa, ações e multimercados) apresentaram variação positiva, refletindo o cenário menos volátil dos mercados financeiros”.

“Dentro da classe ações, o tipo livre encerrou o mês com ganho de 12%. No tipo multimercados livre, a variação foi de 2,09%. Na classe renda fixa, com resultados mais tímidos, o tipo duração baixa grau de investimento registrou no mês rentabilidade de 0,09%”, conclui.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

LEIA MAIS
Plataformas de investimentos no Brasil oferecem 1,5 mil fundos

FII: veja os fundos imobiliários recomendados pela XP