Fras-Le (FRAS3) reverte prejuízo e lucra R$ 62,3 milhões no 1TRI21

Carla Carvalho
Graduada em Ciências Contábeis pela UFRGS, pós-graduada em Finanças pela UNISINOS/RS. Experiência de 17 anos no mercado financeiro, produtora de conteúdo de finanças e economia.

Crédito: Divulgação: Fras-Le

A Fras-Le (FRAS3) registrou lucro líquido de R$ 62,3 milhões no balanço do primeiro trimestre de 2021. O resultado reverte o prejuízo de R$ 1,3 milhão no mesmo período do ano passado.

Veja o balanço na íntegra.

Simule seus investimentos com um especialista e confira as melhores opções de acordo com seu perfil

Além da reversão do prejuízo, o 1TRI21 mostra crescimento de outros indicadores em relação ao 1TRI20. Entre eles estão a receita líquida (+87,4%), o lucro bruto (+112,5%) e o Ebitda ajustado (+163,5%).

Nesse sentido, a aquisição da Nakata teve grande influência, uma vez que seus números não estavam na base de comparação do primeiro trimestre de 2020.

Fras-le (FRAS3): principais números do balanço do 1TRI21

Lucro líquido

Lucro 1TRI21: R$ 60,5 milhões

Prejuízo 1TRI20: R$ 1,3 milhão

Ebitda

Ebitda 1TRI21:R$ 125,6 milhões

Ebitda 1TRI20: R$ 38,1 milhões

Receita Líquida

Receita 1TRI21: R$ 640,7 milhões

Receita 1TRI20: R$ 341,8 milhões

Receita líquida da Fras-Le (FRAS3) cresce 87,4%

Segundo relatório da Fras-Le (FRAS3), as três famílias de produtos (materiais de fricção, sistemas de freios e componentes para suspensão) registraram aumento de vendas em volume e financeiro. Nesse sentido, as linhas de freios e suspensão tiveram o impacto positivo das vendas da controlada Nakata.

Ebitda

O Ebitda ajustado da Fras-Le (FRAS3) foi de 121,3 milhões no 1TRI21, representando margem de 18,1%. Em relação ao ajuste, o único efeito não recorrente foi a reversão do impairment no valor de R$ 4,3 milhões, referente à controlada Fanacif.

Investimentos

No 1TRIM21 os investimentos da Fras-Le (FRAS3) em CAPEX somaram R$ 21 milhões. Nesse sentido, destaca-se a automação na fábrica e investimentos contínuos em adequações de NR12.

Dívida

Em 2020, a Fras-le (FRAS3) realizou a emissão de duas debêntures para pagamento da aquisição da controlada Nakata. Nesse sentido, o valor total da emissão foi de R$ 420 milhões ocorrida em duas tranches iguais, em junho e julho do ano passado. Os vencimentos finais serão em junho e julho de 2027, respectivamente.

No 1TRIM21, a dívida líquida/Ebitda da companhia é de 1,7 vez, contra 1,9 vez no final do ano passado.

Confira os destaques do balanço da Fras-Le (FRAS3):

1T211T20R$ mil1T21 X 1T20
640,7 mi341,8 miReceita Líquida87,4%
188,5 mi88,7 miLucro bruto112,5%
121,3 mi46,0 miEBITDA ajustado163,5%
60,5 mi-1,3 miLucro Líquido4.899%

 

 

 

Cases da Bolsa

Aprenda análise fundamentalista de ações na prática, com maiores cases já criados na B3