FII: RELG11 comunica 2ª emissão de cotas do Fundo

Regiane Medeiros
Economista formada pela UFSC. Produz conteúdo na área de mercado de capitais, finanças pessoais e atualidades.
1

A BRL Trust, administradora do FII REC Logística (RELG11), comunicou a abertura da 2ª emissão de cotas do Fundo.

Desses modo, a nova emissão será de 2 milhões de cotas, sendo que essa quantidade poderá ser acrescida em até 20%.

O preço de aquisição por cota da 2ª emissão foi definido em R$ 100,00, já considerada a taxa de distribuição primária.

Participe do maior evento de investimentos da América Latina

Como resultado, o Fundo pretende levantar o montante de R$ 200 milhões.

O administrador ressalta que a oferta está sob análise da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a qual ainda não se manifestou a respeito.

O RELG11é um fundo imobiliário do tipo híbrido. Seu objetivo é proporcionar rentabilidade aos cotistas através da aquisição de imóveis prontos, terrenos ou imóveis em construção, destinados à exploração de atividades logísticas, de armazenamento, distribuição, comerciais ou industriais.

FII: BMLC11B informa intenção de rescisão de locatária

O BTG Pactual, na qualidade de administrador do FII BM Brascan Lajes Corporativas (BMLC11B), informou que recebeu uma notificação da Honeywell do Brasil, comunicando a intenção de realizar a rescisão do contrato de locação.

Atualmente a locatária ocupa parte do 40º andar do Imóvel Torre Sul, pertencente ao FII.

Com a possível saída da locatária, a ocupação total dos imóveis do Fundo será reduzida de 98,27% para 92,87%.

O administrador informou ainda que a rentabilidade do Fundo será impactada negativamente em 9,40%, em comparação a distribuição do mês de agosto de 2020. De tal forma que o impacto na distribuição de rendimentos mensais será de, aproximadamente, R$ 0,05 por cota do Fundo.