FII Hosi (HOSI11) obtém autorização para mudança em oferta

Felipe Moreira
Felipe Moreira é Graduado em Administração de empresas e pós-graduado em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 6 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Reprodução/Pixabay

A Easynvest (Coordenador Líder) e a Vórtx Distribuidora, administradora do fundo imobiliário Housi (HOSI11) divulgaram o quinto comunicado ao mercado sobre a oferta pública de cotas.

A nota veio informar o deferimento do pedido de modificação, a revogação da Suspensão da Oferta e a retomada do período de subscrição.

A emissão de cotas do fundo passou por idas e vindas. Exemplo disso, foi a mudança do montante inicial que passou de R$ 150 milhões para R$ 50 milhões, a destinação de recursos, entre outras.

Devido essas idas e vindas o calendário da emissão teve algumas alterações.

Em 26 de dezembro, a CVM expediu ofício que suspendeu a emissão por 30 dias. Isso porque houve processamento da Oferta antes da manifestação da CVM sobre o pedido de aprovação de modificação de termos e condições da Oferta, protocolado em 19 de dezembro de 2019.

No início deste mês (06), a CVM expediu novo ofício, no qual foram realizadas exigências aos documentos da oferta para que fosse possível obter o deferimento do pedido de modificação da oferta mencionado e a respectiva revogação da suspensão da oferta.

Já no dia 9 de janeiro, o coordenador líder protocolou junto a CVM, carta notificando que as pendências haviam sido sanadas. Então, no dia 24 de janeiro foi revogada a suspensão da Oferta com produção de efeitos imediata e aprovadas as modificações aos termos e condições da Oferta requeridas.

 


Aproveite as oportunidades e aumente a rentabilidade dos seus investimentos.

Preencha seus dados abaixo e conte com especialistas para ajudar.

Se preferir, ligue direto para 4007-2374