FGTS irá destinar R$ 65,5 bilhões para financiar projetos de habitação

Marco Antônio Lopes
Editor. Jornalista desde 1992, trabalhou na revista Playboy, abril.com, revista Homem Vogue, Grandes Guerras, Universo Masculino, jornal Meia Hora (SP e RJ) e no portal R7 (editor em Internacional, Home, Entretenimento, Esportes e Hora 7). Colaborador nas revistas Superinteressante, Nova, Placar e Quatro Rodas. Autor do livro Bruce Lee Definitivo (editora Conrad)
1

Foto: Vale mineradora

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) anunciou que irá destinar R$ 65,5 bilhões para financiamentos na área de habitação em 2020. As verbas virão de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O ministério prevê ainda R$ 4 bilhões do fundo que serão utilizados para obras de saneamento. As informações são da Agência Brasil.

A regulamentação dos recursos do FGTS foi aprovada pelo Conselho Curador do Fundo e publicadas nesta terça-feira (31), no Diário Oficial da União (DOU).

Moradias populares

Na habitação, mais de 95% dos R$ 65 bilhões serão utilizados para financiar a construção de moradias populares para famílias com renda mensal de até R$ 7 mil. Do total de R$ 65,5 bilhões, R$ 40,2 bilhões serão destinados a financiamentos, a pessoas físicas ou jurídicas, que beneficiem famílias com renda mensal bruta limitada a R$ 4 mil.

Confira os melhores momentos da Money Week

O ministério do Desenvolvimento Regional estima a contratação de 526 mil unidades habitacionais em todo o país, com potencial para geração de 1,3 milhão de empregos. Em 2019, foram destinados R$ 73 bilhões do FGTS para a habitação popular, lembra a reportagem da Agência Brasil.

Obras de saneamento

O setor de saneamento básico terá R$ 4 bilhões do FGTS para a contratação de operações de financiamento, dentro do Programa Saneamento para Todos. O governo prevê beneficiar 4,9 milhões de pessoas e gerar 92,4 mil empregos com esses créditos.

Segundo o MDR, os projetos podem ser voltados para a garantia de abastecimento de água, esgoto sanitário, manejo de resíduos sólidos e de águas pluviais, redução e controle de perdas de águas, drenagem urbana, preservação e recuperação de mananciais, além de estudos e projetos para o setor.

BDRs| Confira os papéis disponíveis para Investimentos