Fenabrave: venda de veículos novos cresce 10,48% em 2019

Marco Antônio Lopes
Editor. Jornalista desde 1992, trabalhou na revista Playboy, abril.com, revista Homem Vogue, Grandes Guerras, Universo Masculino, jornal Meia Hora (SP e RJ) e no portal R7 (editor em Internacional, Home, Entretenimento, Esportes e Hora 7). Colaborador nas revistas Superinteressante, Nova, Placar e Quatro Rodas. Autor do livro Bruce Lee Definitivo (editora Conrad)

Crédito: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O balanço final das vendas de veículos novos no país, em 2019, apontou para uma alta de 10,48%, de acordo com dados divulgados nesta quinta (2) pela Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores). Foram comercializadas 4.036.303 unidades, contra as 3.653.297 registradas em 2018.

O volume considera automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motocicletas, implementos rodoviários e outros veículos.

A entidade divulgou também o balanço do mês de dezembro: foram emplacados 370.957 veículos, número que é  7,4% acima das 345.382 unidades registradas em novembro.

Participe do maior evento de investimentos da América Latina

Em relação a dezembro de 2018, com 331.093 unidades licenciadas, o crescimento foi de 12,04%.

Desempenho positivo

O presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, analisou os fatores que contribuíram para a alta no setor. “Iniciamos 2019 com boas perspectivas e, mês a mês, observamos a consolidação da recuperação das vendas. Esse desempenho positivo se deve a fatores como taxa de juros menores e à queda nos índices de inadimplência e de desemprego. Isso refletiu, diretamente, no aumento da confiança do consumidor e, também, do empresário brasileiro. Esse cenário impulsionou a oferta de crédito, o que deve continuar em 2020, por isso, confiamos em um novo ciclo de crescimento, ainda que moderado”, explicou Assumpção Júnior.

Alta na venda de automóveis e comerciais leves

A Fenabrave registrou ainda que as vendas de carros e comerciais leves tiveram crescimento de 7,65% no acumulado de 2019, comparado com 2018. Foram emplacadas 2.658.927 unidades em 2019, ante 2.470.005 do ano anterior.

Em dezembro de 2019, 251.974 automóveis e comerciais leves licenciados significaram crescimento de 9,12%, na comparação com novembro – quando  230.907 unidades foram emplacadas. Se comparados com o balanço de dezembro de 2018, o  avanço é de 12,07% (naquele mês, 224.841 unidades foram licenciadas).

A oferta crescente de crédito foi o maior influenciador para este resultado, analisa o presidente da Fenabrave. “A queda na taxa de juros e a manutenção do índice de inadimplência, dentro dos parâmetros aceitáveis, motivaram a confiança das instituições financeiras em ampliar a oferta de crédito, impulsionando as vendas nesses segmentos”, avalia Assumpção Júnior.

Projeções para 2020

A entidade projeta, para 2020, avanço no aumento das vendas. “Com a estabilidade econômica, a expectativa de crescimento do PIB, que devem gerar mais empregos e crédito à população, a Fenabrave acredita em um novo ciclo de crescimento das vendas de veículos para 2020, e prevê alta de 9,67% para o setor, em geral, sobre os resultados obtidos em 2019, devendo ultrapassar 4,3 milhões de unidades”, diz a entidade em nota à imprensa

“Contamos com fatores essenciais para o crescimento das vendas de veículos, por isso, podemos manter uma visão otimista para 2020”, reafirmou Assumpção Júnior.

Eis a projeção de vendas da entidade para 2020: